Seleção Brasileira deve realizar jogo na reestreia do Mangueirão, em 2022

O pedido foi oficializado pelo governador Helder Barbalho durante reunião com o presidente da CBF, Rogério Caboclo

Redação Integrada com informações da Agência Pará

A Seleção Brasileira de Futebol deve jogar na reestreia do Mangueirão, prevista para 2022. O convite foi oficializado pelo governador Helder Barbalho durante reunião com o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo, e outros integrantes da entidade no Rio de Janeiro.

 

Com investimentos de aproximadamente R$ 160 milhões e uma estimativa de 18 meses de obras, o Mangueirão terá capacidade para 55 mil pessoas após a ampliação. A capacidade do Mangueirão hoje em dia é de, 35 mil torcedores. A intenção do governo é transformar o local em uma arena padrão Fifa, com condições de receber grandes partidas.

A última vez que a Seleção Brasileira de Futebol esteve na capital paraense foi em 2011, no jogo contra a Argentina. O Brasil venceu a disputa por 2 a 0.

“Oficiamos à CBF o desejo de recebermos a seleção Brasileira na reabertura da nossa praça esportiva. Já dialogamos com o professor Tite, com a comissão técnica, e claro, cumpriremos com as nossas obrigações de estar com o estádio adequado para os nossos torcedores e com condições de receber grandes eventos", explicou o governador.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), o projeto para a reforma do Estádio Mangueirão está concluído e foi aberto o processo licitatório para a contratação da empresa responsável pela obra.

A previsão é que até o final deste mês a empresa seja anunciada, com a obra iniciando no final de fevereiro.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES