Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Paraense fecha com o Atlético-MG e revela dificuldades: 'Não tínhamos o que comer'

Zagueiro Igor Trindade, da Tuna, assinou por um ano e seis meses com o Galo; jogador contou um pouco da sua história ao OLiberal

Fabio Will / O Liberal

O futebol e as oportunidades de mudar o rumo de sua vida e também dos seus familiares. O jovem Igor Trindade, de 16 anos, morador do bairro da Pratinha, em Belém, vive a expectativa de defender as cores de um clube grande do país. O jogador que pertence à Tuna Luso, assinou contrato com o Atlético-MG e terá a chance de mudar a vida da sua mãe.

Zagueiro, alto, líder em campo, característica de um jogador e também de “homem da casa”, onde ajuda nas despesas e tenta dar o melhor para a sua mãe, dona Elidiane da Silva Trindade, que tenta manter a casa trabalhando com brindes para festas. Dinheiro suado, pouco, que fez falta durante a rotina de treinos de Igor, eu começou no futebol através do projeto social ECAG, no bairro do Tapanã, com o professor Dida.

“Tive um início em um projeto social, o professor Dida me ajudou bastante e acabei indo para a Tuna em 2019. Infelizmente não é fácil a vida de quem quer ser jogador, muitas vezes faltava o dinheiro da passagem, tinha que me alimentar, mas não tínhamos o que comer. Muitas vezes saia de casa de bicicleta e andando para treinar, mas depois a Tuna me ajudou e consegui seguir no futebol. Hoje olho para essas situações que passei e vejo o quanto Deus é maravilhoso”, disse.

 

TUDO POR ELES

Dona Elidiane é a maior incentivadora de Igor, que mora sozinho com a mãe. O jogador viaja para Minas Gerais (MG) nesta sexta-feira (11) e já está com saudade, mas garante que o sonho está vivo e que vai lutar por melhorias na vida da mãe.

“Eu recebi a notícia da minha negociação e comemoramos, choramos juntos essa oportunidade. Vejo o sacrifício que ela passou, pedindo dinheiro emprestado para ir aos treinos. Meu tio Sebatião também me ajudou muito e sou eternamente grato aos que acreditaram em mim. Vou correr por eles, quero o melhor deles”, contou, chorando.

TUNA

A equipe de OLiberal conversou com diretor de futebol da Tuna Luso, Eder Pisco, que revelou detalhes sobre a negociação.

“O jogador despertou o interesse do Atlético, conversamos e emprestamos o atleta. O clube possui preferência em uma possível negociação do jogador durante ou ao término do contrato. O valor estipulado é de R$400 mil”, disse.

Canhoto e com 1.87 de altura, Igor ganhou destaque na base da Lusa e trabalhou na equipe profissional da Tuna neste Parazão ao comando de Robson Melo. O jogador chegou a atuar no Parazão, na partida contra o Gavião, que terminou com a vitória cruzmaltina por 6 a 1.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES

(