TRE/PA lança edital para concurso com salário de mais de R$ 12 mil

Vagas são para candidatos de nível médio e superior, além de cadastro de reserva

Elisa Vaz

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) lançou edital para concurso público, para candidatos de nível médio e superior, com a oferta de três vagas imediatas e cadastro de reserva. As inscrições podem ser feitas pelo site da organizadora, a partir da próxima segunda-feira (18) até o dia 17 de dezembro, pagando taxa de R$ 55 para os cargos de técnico e de R$ 70 para analista judiciário. O concurso reserva 5% das vagas para pessoas com deficiência e 20% para negros e pardos.

Serão duas vagas para técnicos na área administrativa, com exigência do ensino médio completo, e uma vaga para analista judiciário, com requisito de diploma no curso de Direito. Além disso, o órgão também terá formação de cadastro reserva nas seguintes funções: apoio especializado e operação de computadores, com exigência de ensino médio e curso de informática completos; analista judiciário na área administrativa, com diploma em qualquer área de formação; analista judiciário na área de análise de sistemas, com curso superior em tecnologia da informação ou graduação em qualquer área mais pós-graduação em tecnologia da informação; e analista judiciário na área de medicina psiquiatria, com graduação em medicina, registro no conselho regional e título de especialista ou residência em psiquiatria.

No cargo de técnico judiciário, o salário inicial será de R$ 7.591,37, mas, com progressões, o vencimento em final de carreira chega a R$ 11.398,39. Já para analista judiciário, a remuneração inicial é de R$ 12.455,30, chegando a R$ 18.701,52 no fim de carreira. A especialidade de Medicina terá carga horária de 20 horas semanais, enquanto os demais devem cumprir jornada de 40 horas. Todos os servidores do Judiciário ainda recebem auxílio alimentação de R$ 910,08, assistência pré-escolar aos dependentes no valor de R$ 719,62 e auxílio saúde de R$ 215.

A prova objetiva será para todos os cargos, e a prova discursiva será aplicada apenas para analista judiciário. As avaliações serão realizadas nas cidades de Belém, Marabá e Santarém, no dia 16 de fevereiro de 2020. Serão 80 questões de língua portuguesa, noções de informática, normas aplicáveis aos servidores públicos federais, regimento interno do TRE-PA e direito das pessoas com deficiência, além dos conhecimentos específicos do cargo. A validade do concurso será de dois anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo tempo.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!