Receita libera nesta sexta-feira (30) R$ 1,9 bilhão do 5º lote do Imposto de Renda

Pagamento da restituição é feito na conta bancária do contribuinte

O Liberal

A Receita Federal deposita o pagamento do quinto lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física nesta sexta-feira (30) para mais de 1,2 milhão de contribuintes no Brasil.  Os valores chegam a R$ 1,9 bilhão e contemplam também restituições residuais de exercícios anteriores. É o último lote para contribuintes que fizeram declaração sem inconsistências.

Segundo a Receita Federal, cerca de R$ 221 milhões são para contribuintes que têm prioridade legal. São contemplados, 5 mil contribuintes idosos acima de 80 anos, 36 mil entre 60 e 79 anos, 4 mil com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 15 mil trabalhadores do magistério. Outros 1,1 milhão de contemplados não são prioritários.

VEJA MAIS

Imposto de Renda: conheça as novas regras para brasileiros no exterior e investidores de fora
Além de incentivar a competitividade entre empresas, especialistas apostam em retomada do setor de turismo

Imposto de Renda: Mais de 1 milhão de pessoas caíram na malha fina
Omissão de rendimentos lidera erros; saiba como consultar e orientações de como ajustar as contas com o Leão

Com esse lote, a Receita Federal informa que concluirá o pagamento de todas as restituições do exercício 2022 que não apresentaram inconsistência.

Como recurso é depositado?

O pagamento da restituição é realizado na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave PIX. Se, por algum motivo, o crédito não for realizado, os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

O contribuinte pode consultar se a restituição está disponível acessando a página da Receita na internet. Basta clicar em "Meu Imposto de Renda" e, em seguida, em "Consultar a Restituição". A página apresenta orientações e os canais de prestação do serviço, permitindo uma consulta simplificada ou uma consulta completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC.

Caso identifique alguma pendência na declaração, o contribuinte pode fazer a retificação, corrigindo as informações que porventura estejam equivocadas.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que possibilita consultar diretamente em suas bases informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A Receita Federal recebeu 38.188.642 declarações do IRPF 2022, entre março e setembro de 2022, ano-base 2021. Dessas, 1.032.279 declarações foram retidas em malha. Esse número representa 2,7% do total de documentos entregues.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA