Aeroporto de Porto Alegre só deve ser reaberto em dezembro

Com a diminuição do nível da água, a empresa responsável iniciou nesta segunda o trabalho de limpeza das pistas para retirada de entulhos e detritos.

Agência Estado

O Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, só deve ter as operações retomadas em dezembro deste ano. Nesta segunda-feira (3), o local completou um mês fechado por causa da inundação do Lago Guaíba.

VEJA MAIS

image Reconstruir e adequar rodovias a mudanças do clima custará R$10 bi
O governador do Estado afirmou que mudar a infraestrutura da região é uma forma de evitar mais desastres

image Empresas gaúchas tentam resistir em meio às enchentes no Rio Grande do Sul
Rio Grande do Sul sofre há um mês com os efeitos de um desastre climático

Durante a manhã, executivos da concessionária Fraport Brasil, que administra o aeroporto, receberam autoridades para uma vistoria e apresentaram detalhes sobre a situação e os próximos passos até a reabertura.

Com a diminuição do nível da água, a empresa iniciou nesta segunda o trabalho de limpeza das pistas para retirada de entulhos e detritos.

Em paralelo, segundo a Fraport, foram iniciados testes para avaliar os impactos da inundação no solo. A avaliação técnica deve durar cerca de 45 dias, a depender das condições climáticas

A previsão é que no início de julho a concessionária tenha um raio x das necessidades de intervenções na pista. Ainda não há cálculo total dos prejuízos relacionados a equipamentos danificados ou destruídos.

"Desde que as águas começaram a baixar, a Fraport Brasil está em contato permanente com as seguradoras para avaliação do cenário, recebendo vistorias recorrentes e realizando o inventário de todos os itens que foram impactados", disse a concessionária em comunicado.

Segundo Tomé Franca, titular da Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério de Portos e Aeroportos, um cronograma para reconstrução do aeroporto será apresentado nos próximos dias.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Economia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA