Salão Arte Pará promove bate-papo com artista Nina Matos

Trabalhos da Série Tributos, de 2015, foram alguns dos mostrados ao público

Redação Integrada
fonte

Na noite desta quinta-feira (13), foi realizada a última das programações promovidas pelo Salão Arte Pará 2018. Na ocasião, Nina Matos, uma das 21 artistas convidadas pela curadoria para participar da exposição, mostrou ao público alguns dos seus trabalhos, desde os primeiros às produções mais recentes, no Museu da Universidade Federal do Pará (UFPA), no bairro de Nazaré, em Belém. A exposição segue até o dia 31 de janeiro de 2019, simultaneamente no Museu da UFPA e no Museu Paraense Emílio Goeldi.

Os trabalhos da Série Tributos, de 2015, foram alguns dos mostrados pela artista, como as obras intituladas "A Terra sem Males" e "Xamã Tupinambá", que explora a pajelança na região amazônica a partir de um trabalho de manipulação de imagem. "Essa série vem para dar um olhar crítico à situações de apagamentos culturais", explica a artista, que faz uso de manipulação imagéticas para recriar imagens pouco prováveis, que instigam a imaginação do público e levam à reflexão sobre a realidade da sociedade da época.

Neste ano, Nina Matos expõe no Salão Arte Pará os trabalhos “Belles”, “Galeria” e “Passeio”, que também são uma  construção digital e pintura sobre tela de 2018, a partir do uso de fotografias do fotógrafo Felipe Augusto Fidanza. O trabalho reflete uma realidade amazônica e social que perpassa pelos povos mestiços, no período da Belle Époque. O trabalho de iconografias históricas vêm sendo desenvolvido desde 2015 pela artista, que considera a produção recente.

"Essa é uma série que considero nova. Quero trabalhar essa ideia de manipular pinturas históricas e tirar os personagens e colocar pessoas da periferia histórica. Trabalho há muito tempo com a matriz da memória e isso sempre me instigou a desenvolver meu trabalho. Trago um foco social e político", explicou a artista.

Palavras-chave

Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA