Saiba quem é o ex-BBB que foi visto em atos radicais ocorridos em Brasília

O participante, que esteve na primeira edição do reality compartilhou série de vídeos e fez transmissões ao vivo em seu canal

Thainá Dias

Adriano Luiz Ramos de Castro participante da primeira edição do Big Brother Brasil, participou dos atos terroristas que aconteceram em Brasília, neste domingo (8). Através das suas redes sociais, o ex-bbb gravou vídeos, além de transmitir ao vivo os atos ocorridos na capital brasileira. Adriano parabenizou ainda as invasões golpistas que aconteceram no Palácio do Planalto, Congresso Nacional e no STF (Supremo Tribunal Federal).

O ex-BBB fez uma live em seu canal do YouTube, que mais de quatro horas seguidas. E ainda destacou. "Estamos fazendo história na porta do Congresso Nacional. Hoje, completam 70 dias que a galera cansou de ficar na porta do quartel e veio aqui no Congresso Nacional... Estamos aqui ao vivo mostrando tudo para vocês, direto de Brasília, a invasão... Invasão, não. A ocupação do Congresso Nacional pelo povo", disse em parte da transmissão, filmando seu rosto com as imagens do Congresso sendo invadido ao fundo.

Adriano, que hoje está com 54 anos de idade, foi considerado o 'vilão' da primeira temporada do BBB, que foi ao ar em 2002, quando ele tinha 33 anos. Hoje, é conhecido nas redes como Didi, apelido que já usava durante o reality.

 

Palavras-chave

Cultura
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA