Rapper Coolio, autor do hit 'Gangsta's Paradise', morre aos 59 anos

O astro chegou à cena de Los Angeles ainda na década de 80, mas estourou internacionalmente só em 1995, com a música que foi tema de filme

O Liberal

O rapper norte-americano Coolio, que ficou famoso com o hit "Gangsta's Paradise", considerado um verdadeiro hino dos guetos e um retrato fiel da realidade vivida pelos integrantes de gangues nos EUA, foi encontrado morto nesta quarta-feira (28), aos 59 anos. As informações são do portal UOL.

VEJA MAIS

Rapper e modelo Chynna Rogers morre aos 25 anos
Notícia da morte da artista foi confirmada pela família da norte-americana

Rapper inglês Cadet morre em acidente de carro aos 28 anos
Cadet ficou conhecido por lançar mixtape chamada "The Commitment"

Rapper canadense morre durante gravação de videoclipe
O músico gravaria na asa do avião e pularia logo em seguida, mas não conseguiu evitar o acidente

De acordo com o site TMZ, que confirmou a notícia com a polícia de Los Angeles, Coolio estava na casa de um amigo de longa data e em determinado momento pediu para ir ao banheiro da residência, porém demorou para retornar. Preocupado, o dono da casa estranhou e começou a chamar por ele, mas não teve reposta. Até que decidiu abrir a porta e encontrou Coolio caído no chão.

O relato foi repassado ao TMZ pelo empresário do cantor, Jarez. Segundo ele, os paramédicos acreditam que Coolio possa ter sido vítima de uma parada cardíaca, mas a causa da morte ainda não foi divulgada

Nascido Artis Leon Ivey Jr., adotou o nome artístico de como Coolio e se tornou um dos grandes nomes do rap norte-americano dos anos 90 ao gravar o hit "Gangsta's Paradise" para a trilha do filme Mentes Perigosas, protagonizado pela atriz Michelle Pfeiffer, e que lhe rendeu o Grammy na categoria Melhor Performance de Rap Solo em 1996. A canção entrou para a lista das mais executadas da década. Relembre:

 

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA