Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Compadre Washington pode ser preso por não pagar pensão, diz colunista

O valor da dívida de Compadre Washington teria chegado a seis dígitos. O cantor tem dez filhos

O Liberal

O cantor Compadre Washington, do É o Tchan, pode ser preso a qualquer momento por conta do não pagamento da pensão alimentícia a um de seus dez filhos. De acordo com a coluna LeoDias, o artista acumulou, há dois anos, uma dívida de cerca de R$ 130 mil. O pedido de prisão foi decretado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo no último dia 23 e tem 30 dias para ser cumprido, segundo a publicação.

VEJA MAIS

Após prisão por atraso em pensão alimentícia, meia do Remo já está em Belém; saiba mais
Erick Flores acabou preso na cidade de Erechim, às vésperas da partida contra o Ypiranga, por atraso no pagamento de pensão alimentícia

Pensão alimentícia: relembre alguns atletas de Remo e Paysandu presos por atraso no pagamento
A prisão do meia Erick Flores mostra um lado desconhecido que ocorre fora das quatro linhas, chegando, por vezes, a atitudes extremas que levam muitos jogadores à prisão por não honrarem os custos da paternidade

Ximbinha rebate Joelma após ser acusado de não pagar pensão à filha
A assessoria de Ximbinha afirma que ele “sempre foi e continua sendo um pai muito presente na vida de todos os filhos"

O filho que ficou sem receber a pensão de Compadre Washington seria Luiz Filipe, de 20 anos, que cursa o ensino superior.

O cantor já teve um problema com o não pagamento de pensão antes, quando foi processado em 2020 por dever R$ 55 mil ao mesmo filho Ele pagou o débito depois de responder a um processo em meio à pandemia da covid-19. Compadre Washington paga um valor mensal estipulado em  R$ 4,8 mil.

À coluna, a assessoria de imprensa do cantor afirmou não ter conhecimento do assunto.

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA