Daniel Craig fará cirurgia de tornozelo, mas novo "007" continua no cronograma

A produção continuará enquanto o ator se recupera por duas semanas após procedimento

Reuters

O ator Daniel Craig, que interpreta o agente secreto James Bond no cinema, passará por uma cirurgia no tornozelo após ter se machucado enquanto filmava o último filme da série, mas o filme continua no cronograma, com estreia prevista para abril de 2020, disseram os produtores do longa nesta quarta-feira.

Uma publicação na conta oficial de James Bond no Twitter disse que a cirurgia era pequena e que Craig havia se machucado durante as filmagens na Jamaica. 

"A produção continuará enquanto Craig se recupera por duas semanas após a cirurgia. O filme continua previsto para lançamento em abril de 2020", dizia a publicação. 

O filme que ainda não teve seu título apresentado, conhecido pelo nome de trabalho "Bond 25", será o quinto de Craig no papel do mais famoso agente secreto britânico da ficção. 

A imprensa britânica reportou que Craig, de 51 anos, escorregou e se machucou no set de filmagens na semana passada enquanto filmava uma cena de ação. 

A franquia cinematográfica da MGM é uma das mais lucrativas do mundo, com o filme "007 contra Spectre", de 2015, dirigido por Sam Mendes, tendo arrecadado 880 milhões de dólares nas bilheterias do mundo todo, enquanto "007: Operação Skyfall" de 2012, também dirigido por Mendes, levantou mais de 1 bilhão de dólares mundialmente. 

"Bond 25" está sendo dirigido pelo norte-americano Cary Joji Fukunaga. 

Cinema