Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

CINE NEWS

Por Marco Antônio Moreira

Coluna assinada pelo presidente da Associação dos Críticos de Cinema do Pará (ACCPA), membro-fundador da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (ABRACCINE) e membro da Academia Paraense de Ciências (APC). Doutorando em Artes pelo PPGARTES/UFPA; Mestre em Artes pela UFPA. Professor de Cinema em várias instituições de ensino, coordenador-geral do Centro de Estudos Cinematográficos (CEC), crítico de cinema e pesquisador.

Círio de Nazaré no cinema

Marco Antonio Moreira

O Círio de Nazaré é um das festas religiosas mais conhecidas do mundo e a tradição de manifestação de fé a Nossa Senhora de Nazaré encanta, de uma maneira intensa e renovada, a cada ano, milhares de pessoas. No cinema, desde seus primórdios, houve registros em documentário ou ficção sobre histórias e manifestações religiosas que provocam admiração, respeito e fé. Lembro-me dos primeiros filmes sobre a vida de Jesus Cristo, particularmente a versão de Ferdinand Zecca, Vida, Paixão e Morte de Jesus Cristo (1903). Cinema lotado, silêncio entre os espectadores e todos com os olhos atentamente direcionados para a tela do cinema. Durante muitas décadas, este e outros filmes religiosos eram exibidos nos cinemas em uma época de boas lembranças referentes à religiosidade de muitas pessoas, independente de situação econômica.

CINE NEWS

Felizmente, em relação ao Círio de Nazaré, é possível pesquisar que vários cineastas registraram, em diversas ocasiões, essa bela festa religiosa e toda complexidade que envolve os personagens que estão inseridos nesta manifestação de fé. Todas as cenas filmadas emocionam e envolvem o espectador de maneira especial. Dos devotos aos voluntários da organização da procissão, das pessoas em suas casas acenando para a santa até uma visão mais ampla da procissão em tomadas áreas.  Sem dúvida, o cinema como expressão artística pode criar possibilidades de interpretações da nossa maior festa religiosa e tal iniciativa acontece há muitos anos.

Existem registros fílmicos sobre o Círio de Nazaré em diversos documentários, desde os anos 1910, mas, infelizmente, muitos não foram preservados. Um dos primeiros registros da procissão em um filme de ficção aconteceu em Fim do Rio (1947) de Derek e Lewis N. Twist, com Bibi Ferreira no elenco. É provável que exista uma maior quantidade de filmagens sobre o Círio de Nazaré em cinejornais e documentários das décadas de 1950 e 1960 de Milton Mendonça e Líbero Luxardo. Outro filme com imagens importantes do Círio é Bodas de Ouro (1959) do cineasta paraense Fernando Melo. Certamente, muitas filmagens amadoras e particulares mantém a história do Círio e são transmitidas para novas gerações como meio de continuidade da fé e respeito por Nossa Senhora de Nazaré.

A partir dos anos 1990, com a produção de mais filmes paraenses em curta metragem, diversos cineastas tomaram a iniciativa de fazer sua leitura estética desta festa religiosa, em filmes de ficção e documentário. E todas estas obras merecem atenção. Em celebração a este momento especial na vida de muitos devotos, indico alguns filmes importantes sobre o Círio para que o leitor possa assistir e fazer sua homenagem a Nossa Senhora de Nazaré:

- Carro dos Milagres (1991) de Moisés Magalhaes. Baseado no conto de Benedito Monteiro, o filme conta a história de um caboclo do interior do Pará que vem para Belém no Círio de Nazaré para pagar uma promessa por ter conseguido sobreviver a um naufrágio.

- Quero ser Anjo (2000) de Marta Nassar. O filme mostra a história de uma menina que, durante o Círio de N. S. Nazaré, sente-se frustrada em seu desejo de vestir-se de anjo, até que um dia reage ao sofrimento de uma maneira inesperada.

- Mãos de Outubro (2009) de Vítor Souza Lima. O filme mostra as diversas manifestações de fé do Círio de Nazaré, por meio das mãos de todos que acompanham a procissão. Um dos filmes paraenses mais premiados da história de nosso cinema.

- Nossa Senhora de Miritis (2011) de Andrei Miralha. Animação. Uma artesã faz uma promessa para Nossa Senhora de Nazaré e às vésperas do Círio, ela se propõe a confeccionar uma procissão em miriti. Muito cansada, ela dorme, mas um milagre acontece e os bonecos ganham vida para ajudar à devota.

- No Movimento da Fé (2013) de Fernando Segtowick e Thiago Pelaes. O filme apresenta um olhar diferenciado dos documentários sobre o Círio e mostra o trabalho do voluntariado, que é formado por um imenso grupo de pessoas que atuam no atendimento e outras atividades para a realização da procissão. As filmagens aconteceram em torno de três personagens: um Guarda de Nazaré, um soldado do Exército e um integrante da Cruz Vermelha.

- Outubro. Segundo Domingo (2015) de Lari Ribeiro. Documentário que reúne vídeos produzidos por internautas durante o Círio de Nazaré.

- Retratos da Fé (2018) de Carlos Waldney. O filme apresenta relatos de diversos fotógrafos como Fernando Sette, Fábio Pina, Geraldo Ramos, Guy Veloso, João Ramid, Paulo Santos e Tarso Sarraf sobre a cobertura fotográfica da maior manifestação religiosa do mundo.

Feliz Círio de Nazaré para todos com muita fé e esperança!

Palavras-chave

Cine News
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS DE CINE NEWS