Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Apoiadores de Bolsonaro zoam Camila Pitanga por uso da Cloroquina

Atriz e a filha foram diagnosticadas com malária e utilizaram o medicamento que é indicado para doença

Redação Integrada

Após a ampla divulgação de que a atriz Camila Pitanga testou positivo para Malária, apoiadores de Jair Bolsonaro foram às redes sociais 'zoar' a global já que ela precisará fazer uso do medicamento Cloroquina (o remédio do presidente) como os apoiadores defendem.

Alguns chegam a dizer que Camila estaria mentindo o diagnóstico para poder fazer o suposto tratamento de covid-19 usando a droga que o presidente defende sem quaisquer críticas.

De fato, o medicamento tem foi testado em vários hospitais do mundo todo em pacientes com quadro grave de covid-19. Porém, ainda faltam evidências conclusivas sobre sua real eficácia e segurança nesses casos. Após diversas mortes e resultados negativos, a Organização Mundial da Saúde interrompeu os testes com a cloroquina e a hidroxicloroquina no tratamento contra a doença ocasionada pelo novo coronavírus.

A Cloroquina é usada há mais de 70 anos contra a malária. A hidroxicloroquina é um derivado menos tóxico da droga e também usada contra malária, lúpus e artrite.

Camila Pitanga publicou em suas redes sociais uma foto dos exames com o resultado positivo para a doença, mas não bastou. Até o procurador Ailton Benedito, Secretaria de Direitos Humanos da Procuradoria-Geral da República, ironizou a artista.  “Tomara que se recuperem plena e rapidamente. Foi prescrita cloroquina para o tratamento?”, escreveu o bolsonarista.

 

Confira a repercussão na web:

Celebridades
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA