Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Depois de rejeitar Gil, pai reaparece após 15 anos: 'Quero dar um abraço'

O homem deixou a casa da família quando o brother tinha apenas quatro anos e o renegou por não considerá-lo "tão preto" para ser seu, diz o jornal

Redação Integrada, com informações da UOL

O pai de Gilberto, do "BBB 21", que atende pelo menos nome, retomou o contato com a família do brother e vem torcendo pelo filho. Em entrevista ao Extra, o ex-porteiro disse querer se reaproximar do doutorando. 

ENQUETE: Quem você quer que seja eliminado do BBB 21? Vote!

Segundo o jornal, o pai de Gil deixou a casa da família quando o brother tinha apenas quatro anos e renegou o filho por não considerá-lo "tão preto" para ser seu. O último contato entre os dois aconteceu quando o filho convidou o pai para um concurso de modelos que iria participar, há 15 anos, mas o ex-porteiro recusou, dizendo que tinha vergonha do então adolescente. 

Hoje, seu Gilberto se diz orgulhoso do doutorando em Economia, o define como "batalhador", "estudioso" e "engraçado" e garante que não perdeu um dia do reality show e que não se importa com a homossexualidade do filho. 

Desempregado, o pai de Gil mora sozinho em uma casa alugada e vive de bicos. Luta, ainda, contra dependência do álcool - já largou o crack há alguns anos. Ele assegura, ainda, que não deseja nada financeiro do participante do BBB. "Só quero poder dar um abraço apertado nele e dizer que amo muito ele. Nunca disse isso para o meu filho", finalizou.

Big Brother Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA