Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

'A Vila do Chaves' leva personagens clássicos ao palco neste final de semana, em Belém

Peça de teatro inspirada na famosa série mexicana tem sessões no Teatro Waldemar Henrique

Lucas Costa

Toda a nostalgia que envolve uma das vilas mais famosas da TV latina está prestes a preencher o Teatro Waldemar Henrique (Praça da República). O espetáculo “A Vila do Chaves”, da Caixa de Teatro, terá sessões neste sábado e domingo, 2 e 3 de abril, às 19h. A montagem de Ligia Coêlho tem ingressos disponíveis a partir de R$ 20 (meia entrada), e a classificação é livre.

“A Vila do Chaves” é uma adaptação livre da série de TV mexicana “Chaves”, produzida na década de 70, que fez bastante sucesso no Brasil até, pelo menos, a primeira década dos anos 2000. Os personagens queridos e as situações marcantes da série vão ser relembradas pelo público no texto de Ligia Coêlho, roteirista da peça e fã declarada da série - ela quer levar o público junto nesta viagem nostálgica.

“A peça é toda inspirada na série, mas eu não escrevi os episódios. Peguei tudo o que podia de referência, vários combinados de momentos e situações. Então o pessoal vai assistir e observar que tem várias passagens, situações pequenas e trechos que realmente ocorrem na série. Então você se diverte com algo que já está na memória”, explica a diretora.

“A Vila do Chaves” vai além de uma costura de cenas icônicas da série, na verdade essa montagem de fragmentos segue um fio condutor maior: a preparação para o famoso “Festival da Boa Vizinhança”, evento que marca um dos episódios famosos do seriado.

“Está tudo ocorrendo pela vila porque vai ocorrer a festividade da boa vizinhança, só que chega o carteiro com uma carta dizendo que vai haver a gravação de um videoclipe, e então todo mundo fica agitado, as pessoas da vila ficam animadas”, adianta Ligia.

É ao longo desta preparação que as cenas marcantes de “Chaves” aparecem no palco. “Durante a preparação vão acontecendo várias situações, como o sumiço de um ferro de passar, uma referência à série; e também quando as crianças tentam invadir a casa da Bruxa do 71. Tem também as situações de trapalhadas do Chaves, além das cenas da sala de aula”, conta Ligia.

A montagem ainda passeia por outros momentos icônicos e mais emocionantes dentro da série, como a chegada de Chaves à famosa vila, e também a interpretação das músicas famosas do seriado, como “Se Você É Jovem Ainda”.

“Tudo isso vai acontecendo até chegar o festival, quando eles se deparam com uma confusão durante a apresentação das crianças. E isso é curioso pois se trata de uma outra apresentação dentro da pela, quando os personagens assistem junto com alguns personagens”, descreve Ligia, revelando também que há momentos que carregam mensagens positivas, como na série. “O final é emocionante”.

A temporada deste final de semana marca o retorno da peça ao seu primeiro palco. “A Vila do Chaves” existe há pelo menos cinco anos, e já fez temporadas na Estação das Docas. Agora, eles voltam ao palco onde estrearam, o Teatro Waldemar Henrique. “É onde eu amo me apresentar, onde amo levar os espetáculos. Mas temos esse desejo de se apresentar em um local maior”, conclui Ligia.

Agende-se:

Espetáculo "A Vila do Chaves"

Dias: 2 e 3 de abril;

Horário: às 19h;

Local: Teatro Waldemar Henrique (Praça da República)

Classificação: Livre

Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia);

Crianças de até 3 anos não pagam;

Informações: 98440-8434 / 982954848

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA