Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Proprietária vai cobrar aluguel e encontra inquilino assassinado em quitinete

Mulher tentava há dias contato com o inquilino por telefone por conta de um aluguel atrasado, mas ele estava morto

Luciana Carvalho

Uma cobrança de aluguel fez uma proprietária de quitinetes descobrir um assassinato no final da manhã desta terça-feira (16). Ao chegar ao imóvel do inquilino, que estava há dias sem pagar a dívida, ela o encontrou morto, com sinais de tiro. As informações são do portal Metrópoles.

O inquilino foi identificado como Bruno Pedro Zastanni, de 32 anos, que morava sozinho há três meses em uma quitinete em Balneário Camboriú, Santa Catarina. Desde o fim de semana, a dona da casa tentava contato com o homem por telefone por conta de um aluguel atrasado. Sem respostas, ela decidiu ir até o local para ver o que havia acontecido e, ao chegar no imóvel, encontrou a porta aberta e, em seguida, Bruno caído no chão, com ferimentos causados por tiros.

VEJA MAIS

Jovem é executado com golpes de facão na praia da Princesa, em Algodoal
A vítima teria se envolvido com uma mulher casada, o que possivelmente motivou o crime

Homem é morto a tiros ao sair de casa em Conceição do Araguaia
Dois homens em uma motocicleta seriam os autores do crime.Eles ainda não foram presos

Suspeito morre em confronto com a polícia após tentativa de homicídio em Tailândia
Ele teria tentado golpear um policial com um facão, quando foi alvejado a tiros

A Polícia Militar foi acionada e um vizinho revelou que, na madrugada da última segunda-feira (15), ouviu três disparos de arma de fogo. No entanto, disse não ter saído para olhar o que era. Ainda não se sabe quem matou o morador. A Polícia Civil está investigando o homicídio.

(Luciana Carvalho, estagiária da Redação sob supervisão de Keila Ferreira, Coordenadora do Núcleo de Política).

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL