INEP confirma que foto vazada de prova é real

Redação Integrada com Informações do G1

Logo após o início do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), uma foto da página da prova que continha a proposta da redação vazou nas redes sociais. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou, por meio de nota, que a imagem é verdadeira, e que a divulgação, que ocorreu após o início da aplicação, não prejudicou o andamento do exame.

(Reprodução)

"Todos os participantes já tinham passado pelos procedimentos de segurança e estavam nos locais de prova", informou o órgão. De acordo com o edital do exame, após entrar no local de prova, o candidato não pode usar celular ou qualquer outro dispositivo eletrônico. Os portões dos locais de realização do certame fecharam às 13h, e a prova teve início às 13h30.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informa que é real a imagem da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 que circula nas redes sociais. É importante esclarecer que a divulgação, que ocorreu após o início da aplicação, não prejudicou o andamento do exame. Todos os participantes já tinham passado pelos procedimentos de segurança e estavam nos locais de prova. Os órgãos competentes já foram acionados pelo Inep para identificar a origem e o responsável pela divulgação da imagem.

Uma publicação compartilhada por Inep (@inep_oficial) em

O Ministro da Educação, Abraham Weintraub, postou um vídeo em sua conta no Twitter informando que a Polícia Federal já está trabalhando para identificar o responsável pela divulgação da foto da prova, e que o órgão vai tomar as devidas providências legais contra ela. "Isso aparentemente aconteceu em Pernambuco e a gente já tá chegando ao nome da pessoa", disse o ministro.

 

Ainda segundo Weintraub, a realização do Enem segue em perfeito funcionamento, e o exame "tem tudo para ser um grande sucesso". "Todos os procedimentos de segurança já haviam sido realizados, a prova já havia sido distribuído pra todo mundo, e alguém tirou uma foto e colocou nas redes. Isso não compromete nada, tudo segue normal", finalizou. 

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BRASIL