Grávida sobrevive após ser esfaqueada, pular a janela e cair em pula-pula

Vítima foi agredida pelo ex-companheiro, que invadiu o apartamento dela

Emilly Melo
fonte

Uma mulher grávida sofreu uma tentativa de feminicídio na madrugada de ontem (22), no bairro Cidade Praiana, baixada litorânea do Rio de Janeiro. O autor do ataque é o ex-companheiro da vítima, que foi detido e levado para a 128ª Delegacia de Polícia, onde aguarda a audiência de custódia. Com informações do Uol.

VEJA MAIS

image Policial mata esposa grávida, ataca batalhão da PM e atinge ao menos outras cinco pessoas
O policial militar morreu no local do segundo ataque; Ao menos dois outros agentes foram assassinados e outros três policiais ficaram feridos

image Homem com ‘dentes de tubarão’ ameaça rasgar pescoço de grávida para mantê-la como escrava sexual
Vítima ficou detida na propriedade do suspeito durante 3 semanas após ele a oferecer abrigo

image Influencer grávida para no hospital após levar um soco na barriga durante assalto
Rayssa Buq contou o que houve pelas rede sociais; a situação aconteceu no Rio de Janeiro

A polícia informou que a gestante de 37 anos foi agredida com socos e golpeada com uma faca de pão. Na tentativa de fugir das agressões, ela pulou da janela e acabou caindo em cima de um telhado, que quebrou, mas o impacto foi amenizado por um pula-pula que estava na varanda de baixo. 

Ainda de acordo com a polícia, o agressor, Rafael Basílio Tavares, entrou no apartamento da ex com uma chave reserva, sem o consentimento da mulher. "Ele acabou de sair daqui, tentou me matar, os vizinhos estão todos de prova. Ele tentou me matar e está saindo muito sangue", disse a vítima, ensanguentada, em um vídeo gravado após o ataque.

A Polícia Militar informou que agentes do 32º BPM, Macaé foram acionados para uma ocorrência de violência contra a mulher e que a vítima foi resgatada e encaminhada para o Pronto Socorro de Rio das Ostras. O delegado do caso disse que, além da invasão de domicílio, o agressor descumpriu ordem judicial de afastamento

“O suspeito foi encontrado, se entregou à polícia, e foi conduzido à unidade policial. Ele foi autuado por feminicídio tentado e aborto tentado, porque ao ouvir a agredida, além das facadas que ela tomou, ele também teria chutado a região da barriga”, afirmou Ronaldo Andrade Cavalcante, delegado da 128ª DP. 

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Keila Ferreira, coordenadora do Núcleo de Política)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL