CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Golpe do sofá: Homem é preso com 26 ocorrências de estelionato

A empresa JM Móveis acumulava processos na Justiça Cível por descumprimento de acordos comerciais

Luciana Carvalho
fonte

A Polícia Civil prendeu um homem acusado de cometer quase 30 crimes de estelionato, popularmente conhecidos como o "golpe do sofá". A prisão foi realizada nesta quinta-feira (23/5) pela 5ª Delegacia de Polícia (Área Central) do Distrito Federal.

Jeorge Michael Batista de Oliveira, de 31 anos, foi alvo de um mandado de prisão preventiva expedido pela 1ª Vara Criminal de Brasília, foi capturado após uma intensa investigação. Segundo a PCDF, foram registradas 26 ocorrências contra ele, todas relacionadas a crimes de estelionato ocorridos entre junho de 2023 e abril de 2024 em várias regiões administrativas do DF.

VEJA MAIS

image Golpe da cortina: estelionatário é preso em Belém; vítima teve prejuízo de mais de R$ 5 mil
O acusado captava as vítimas pelas redes sociais e cobrava pagamento adiantado de 50% do serviço

image Polícia prende suspeito de aplicar golpes em postos de gasolina no Pará
O homem se passava por gerente de empresas de transportes e, ao mesmo tempo, de postos de combustíveis para enganar suas vítimas

image Estelionatário pede comida por delivery com pix falso e recebe a polícia para prendê-lo em Marabá
Sávio Reis Lima usava um nome falso e adulterava o comprovante de pagamento que mandava para um restaurante da cidade

O estelionatário utilizava sempre o mesmo modus operandi: apresentando-se como proprietário da empresa JM Móveis, supostamente especializada na reforma de estofados em Santa Maria, ele induzia as vítimas a pagarem por serviços de reforma e venda de móveis planejados. Após receber o valor combinado, ele não entregava as mercadorias dentro do prazo, apropriando-se do dinheiro e deixando as vítimas no prejuízo.

A JM Móveis acumulava processos na Justiça Cível por descumprimento de acordos comerciais e diversas ocorrências registradas por clientes lesados, muitos deles servidores públicos. Jeorge Michael atraía as vítimas publicando fotos de móveis reformados no perfil da empresa, prometendo trabalho de excelência e rapidez. Porém, dias depois, as vítimas percebiam que haviam caído no golpe do sofá.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL