Concurso público da Receita Federal tem prazo de inscrição prorrogado; veja a nova data

A remuneração para os novos concursados variam de R$ 11,6 mil a R$ 21 mil

Luciana Carvalho
fonte

As inscrições para o concurso público da Receita Federal foram prorrogadas, conforme publicação no Diário Oficial da União (DOU). Antes os candidatos tinham até esta quinta-feira (19) para efetuar o cadastro no certame, e agora os interessados em concorrer a uma das vagas ofertadas têm até o dia 25 de janeiro para se inscrever por meio do site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), organizadora do concurso.

edital prevê que o valor cobrado pela taxa de participação é de R$ 210 para o cargo de auditor-fiscal e de R$ 115 para o de analista-tributário.

VEJA MAIS:

image AGU abre concurso com 300 vagas; provas serão realizadas em Belém
Remuneração inicial para todos os cargos é de R$ 21 mil

image Concurso da Fundação Santa Casa oferta vagas para nível médio e superior
Lotação dos candidatos será de acordo com a necessidade da Instituição

image Concurso para Câmara Municipal de Curionópolis está com inscrições abertas
Salários variam entre R$ 1.302 e R$ 7.500

Das 699 vagas ofertadas230 são para a função de auditor-fiscal, com remuneração de R$ 21 mil, e 469 são para o posto de analista-tributário, com salários que chegam a R$ 11,6 mil. Os dois cargos exigem que os candidatos tenham diploma de graduação. Cada cargo terá 5% das vagas reservadas para Pessoa com Deficiência (PcD) e 20% para negros.

Etapas do concurso

Os candidatos serão avaliados por meio de uma prova objetivaprova discursivapesquisa de vida pregressa; e curso de formação profissional. A primeira fase do certame será a aplicação de prova objetiva, com realização em todas as capitais do país, na data prevista de 19 de março de 2023, em dois turnos para cada cargo

prova será composta por questões de língua portuguesa, língua inglesa, raciocínio lógico matemático, estatística, economia e finanças públicas, administração geral, administração pública, auditoria, contabilidade geral e pública, fluência em dados, direito administrativo, direito constitucional, direito previdenciário, direito tributário, legislação tributária e legislação aduaneira.

O curso de formação profissional, de caráter eliminatório, será na modalidade de ensino à distância (EaD). Ao longo do curso, provas deverão ser feitas presencialmente nas cidades de Brasília (DF), Manaus (AM), Recife (PE), São Paulo (SP), Curitiba (PR).

(Luciana Carvalho, estagiária da Redação sob supervisão de Elisa Vaz, repórter do Núcleo de Política)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL