Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Cantor dado como morto por engano viraliza ao ter que reconhecer o 'próprio corpo'

O rapaz compartilhou a situação com bom humor nas redes sociais após, supostamente, ter morrido de tuberculose

O Liberal

O cantor Paulinho Oliveira, de 40 anos, passou por uma situação inusitada após ser dado como morto em um Hospital Municipal de São Vicente, no litoral de São Paulo, e precisar reconhecer o próprio corpo para ser liberado. O rapaz compartilhou a situação com bom humor nas redes sociais após, supostamente, ter morrido de tuberculose. As informações são do G1.

"Sempre fui um cara mais alegre, então, fiz stories em um tom mais engraçado. Mas, a história não tem graça nenhuma, foi algo bastante grave, porque poderia ter causado danos irreparáveis na minha família", disse ele. Conforme o cantor, ele e sua mulher estavam passeando quando ela recebeu uma ligação para comparecer com urgência à unidade de saúde. Ela se dirigiu até o local e ele esperou do lado de fora do hospital, dentro do carro. Lá dentro, uma assistente social informou que seu marido tinha morrido de tuberculose, ela negou a informação e Paulo precisou se encontrar com a equipe hospitalar para contestar sua própria morte, que já tinha até declaração de óbito. 

Legenda (Reprodução)

 

 

VEJA MAIS

Bebê dado como morto respira poucas horas antes do enterro
A mãe da criança, uma jovem de 18 anos, não sabia que estava grávida e deu à luz ao recém-nascido na própria casa

Homem dado como morto é encontrado vivo em freezer de necrotério
O rapaz já estava em estado crítico devido às seis horas que passou na câmara fria

A confusão só foi desfeita após o cantor reconhecer o corpo atribuído a si mesmo. "Eu decidi não entrar [...], mas a médica entrou, tirou uma foto e me mostrou. Tive que ver e dizer que não era eu mesmo, ou algum parente", relembrou. O falecido, na verdade, seria um homem em situação de rua que já chegou no hospital com o nome de Paulo. Como não portava nenhum documento físico, o sistema da unidade teria completado sua ficha médica com os dados do cantor. "Agora, ficou a piada. Ligam aqui e pedem para falar com o 'finado' Paulinho", diz o vivo.

Em nota, a prefeitura de São Vicente informou que o Samu foi acionado para atender a pessoa em situação de rua que, consciente, identificou-se como Paulo Eduardo dos Santos.  Como praxe, foi verificado no sistema onde constataram que uma pessoa com o mesmo nome e idade havia sido atendida no hospital e, por isso, a unidade contatou um familiar pelo telefone indicado na ficha. 

Palavras-chave

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL