Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Soldado Fagner Santos é preso preventivamente pelo feminicídio da cabo Andreza

Acusado atingiu a esposa com um tiro na região do tórax, em agosto de 2020

O Liberal

O soldado da Polícia Militar, Fagner Santos, que matou a esposa, a cabo Andreza, foi preso preventivamente nesta terça-feira (31). A Justiça decretou a prisão do soldado da PM. O marido atingiu a esposa com um tiro na região do tórax na noite do dia 15 de agosto de 2020.

Andreza chegou a ser levada a um hospital em Ananindeua, pelo próprio Fagner, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com testemunhas, Andreza teria sido morta pelo marido depois de uma briga. Após balear a esposa, Fagner se apresentou no 21º Batalhão em Marituba. Após o depoimento, ele teria sido conduzido à Seccional do município.

A reportagem de O Liberal solicitou informações para a Polícia Militar (PM) e para a Polícia Civil (PC) sobre o caso. A reportagem também tenta contato com a defesa do acusado Fagner Santos.

Palavras-chave

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM