Devotos celebram nesta sexta, 22, o dia de Santa Rita de Cássia

Participação dos fiéis na programação, por conta da pandemia, será apenas on-line

Redação Integrada

Santa Rita de Cássia, padroeira dos impossíveis e advogada das Causas Perdidas, será homenageada nesta sexta-feira (22) por devotos na Paróquia São José de Queluz, no biarro de Canudos, onde essa devoção é considerada Patrimônio Cultural e Imaterial, e na Paróquia São João Batista e Nossa Senhora das Graças, no Distrito de Icoaraci. Como medida de prevenção à covid-19, referendada, inclusive, pela Arquidiocese de Belém, a participação dos fiéis nas programações religiosas se dará somente online. 

Na Paróquia São José de Queluz, o novenário começou no dia 13 deste mês, com novena diária de Santa Rita, sempre as 18h, e prosseguirá até esta quinta-feira (21). Já no dia 22, sexta-feira, haverá Santa Missa às 7h e 19h. Após a missa da manhã, a imagem de Santa Rita percorrerá as ruas da região, para que os fiéis, de suas casas, possam fazer as devidas orações.

A tradição de Santa Rita de Cássia na Paróquia de São José de Queluz se dá por a padroeira ter ingressado na Ordem dos Agostinianos, congregação que administra essa unidade da Arquidiocese de Belém. Em abril de 2019, a Câmara Municipal de Belém reconheceu a importância desta procissão para a vida social, cultural e católica da Cidade de Belém e região. A procissão de Santa Rita foi declarada Património Cultural e Imaterial de Belém. Isso foi feito após a aprovação do projeto de lei apresentado pela vereadora Toré Lima. A devoção à santa foi trazida e preservada pelos Agostinianos Recoletos, congregação a qual é confiado o trabalho pastoral na paróquia.

Icoaraci
Na Paróquia São João Batista e Nossa Senhora das Graças, em Icoaraci, a festividade em honra à santa começou no dia 19, com  a celebração de tríduo e segue até esta quinta-feira (21), sempre as 19h. Já no dia 22, haverá a celebração eucarística às 19h. 

Uma novidade este ano, devido à situação da pandemia em que vivemos, é que a Diretoria da festa, por meio da Diretoria de Ornamentação, estão oferecendo entregas a domicílio de Rosas de Santa Rita que serão abençoadas no dia 19 e entregues no dia 22. O valor de cada Rosa é de R$ 5,00 que serão direcionados para manutenção do Círio de 2020, previsto para novembro.
 
Já a celebração da Paróquia de Santa Rita de Cássia, na Cidade Nova, em Ananindeua, foi transferida para o mês de agosto, para celebrar em conjunto com a comemoração de 30 anos de criação da paróquia.
 
Todas as celebrações serão apenas transmitidas via as redes sociais:         
Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BELÉM