Sobe para 1.200 o número de pessoas detidas após atos radicais em Brasília

Elas estão sendo levadas para a sede do órgão em pelo menos 40 ônibus

O Liberal

Ao menos 1.200 pessoas foram detidas pela Polícia Federal (PF) em frente ao quartel-general do Exército, em Brasília. Os apoiadores radicais do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) estão sendo levados para a sede do órgão em pelo menos 40 ônibus. As informações são do G1.

VEJA MAIS:

image Operação para desmontar acampamento de radicais em Brasília é realizada pelo Exército e PM
Ação cumpre decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes

image Moraes proíbe a entrada de ônibus com manifestantes no Distrito Federal
A mesma decisão de Moraes determinou o afastamento por 90 dias do governador do DF, Ibaneis Rocha

As prisões ocorrem após invasões às sedes dos Três Poderes, em Brasília, orquestradas por apoiadores radicais do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Os atos resultaram na depredação do prédio do Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal (STF).

 

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA