Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Na saída do Alvorada, Bolsonaro reage a provocações e tenta tomar celular de YouTuber; veja o vídeo

Depois da confusão, o presidente conversou com o influenciador por alguns minutos

O Liberal

O presidente Jair Bolsonaro (PL) se envolveu em uma confusão, na manhã desta quinta-feira (18/8), em frente ao Palácio da Alvorada, ao reagir às provocações de um influenciador digital. Wilker Leão, que é YouTuber e costuma gravar vídeos nas redondezas do palácio questionando apoiadores de Bolsonaro, se aproximou do presidente fazendo questionamentos e usando termos como “vagabundo”, “safado”, “covarde” e “tchutchuca do Centrão”.

Bolsonaro saiu do carro oficial e resolveu falar com o youtuber. Mas ao se aproximar, puxou o homem pela gola da blusa e tentou pegar o celular dele. As imagens foram registradas pela TV Globo.

Os seguranças do presidente tiraram Leão de perto de Bolsonaro e tomaram o celular das mãos dele, que interrompeu a gravação. De acordo com o portal Metrópoles, depois da confusão, Bolsonaro conversou com o influenciador por alguns minutos e seguiu para a Base Aérea. No diálogo, os dois trataram de temas como mudanças na lei da delação premiada, orçamento secreto, reforma tributária, posse de armas e aliança com partidos do Centrão.

VEJA MAIS

Bolsonaro na Globo: veja quando é a entrevista do Jair Bolsonaro ao Jornal Nacional
O candidato a Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, é um dos convidados para participar da sabatina, ao vivo, durante o telejornal da emissora

Bolsonaro inicia a campanha em Juiz de Fora, cidade onde levou facada em 2018
Na ocasião, ele participou de uma motociata e discursou para apoiadores

Bolsonaro fala sobre eleições 2022 ao vivo em entrevista a Rica Perrone; vídeo
Candidato à reeleição, presidente fala de Eleições e vida pessoal com o jornalista esportivo no canal 'Cara a Tapa'

“Eu preciso aprovar as coisas no Parlamento, certo? Se for para aprovar sozinho, eu sou ditador. Fecha tudo, fecha Supremo, fecha Congresso, fecha tudo e eu resolvo as coisas sozinho. Eu tenho que ter o apoio do Parlamento. Os partidos de centro são quase 300 dos 513 parlamentares. Como vou aprovar um projeto simples de lei dispensando 300 votos?”, disse Bolsonaro. “Eu não posso ser um presidente 100%. Vai desagradar um ou outro em alguma coisa, vai desagradar”, afirmou ainda o presidente, segundo o Portal Metrópoles. 

Wilker Leão se diz advogado e cabo da reserva do Exército. De acordo com o Centro de Comunicação Social do Exército, ele prestou o Serviço Militar, tendo sido licenciado em fevereiro de 2022. Atualmente, não pertence às fileiras do Exército.

Ele possui um canal no YouTube com 13,2 mil inscritos, no qual diz discutir “militarismo, direito, política e sociedade”. Tem ainda mais de 5,6 mil seguidores no Instagram e 125 mil no TikTok.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA