Eleitores de escola na Sacramenta serão realocados no 2º turno por conta de interdição

6.406 votantes aptos a participarem do segundo turno serão afetados pela mudança

O Liberal

No próximo dia 30, mais de seis mil eleitores do bairro da Sacramenta serão afetados pela mudança no local de votação do segundo turno das eleições, já que as 14 seções que funcionam na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Santa Luzia, localizada na Travessa Perebebuí, da 28ª Zona Eleitoral, serão realocadas após instituição ser diagnosticada com riscos de colapso estrutural.

VEJA MAIS

Eleitores reclamam de mudança em local de votação
Seção que antes era no Remo passou para o Colégio Nazaré

Primeiro eleitor do país chegou ainda no sábado ao local de votação
Joel Santana votou às 8h na Escola Arquipélago, na ilha de Fernando de Noronha

Por enquanto, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ainda não informou o novo local de votação, mas já está visitando espaços no entorno para definir as mudanças o mais rápido possível. Trata-se da única alteração de local de votação prevista pelo órgão até o momento. O primeiro turno das eleições no Pará teve 152 mudanças em locais de votação na Região Metropolitana de Belém e outras 100 no interior do estado. 

Segundo o diretor geral do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará, Felipe Brito, as mudanças foram amplamente divulgadas, inclusive por meio de cartazes, para que os eleitores pudessem se dirigir aos locais corretos para votar. Ele descarta que as mudanças tenham aumentado o número de abstenções em território paraense.

"O número de abstenções registrado segue a mesma média das eleições de 2018 e 2014, girando na faixa entre 19% e 21%. Há de se ressaltar também que esse número pode ter sido maior em termos absolutos porque houve, por parte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), um descancelamento de mais de 300 mil eleitores que, em tese, não compareceram ao chamamento que foi feito durante o período de revisão biométrica e que, possivelmente, não são mais eleitores ou não residem mais no estado do Pará. Esse número deve ser considerado também nesse cálculo, que somou mais de um milhão e duzentas mil abstenções", afirma.

Em nota, o TRE do Pará está empenhado em tomar todas as providências necessárias para que as seções sejam realocadas, preferencialmente, na mesma área, de forma a não prejudicar o deslocamento das pessoas até seus locais de votação.

"Tão logo foi comunicado formalmente sobre o Auto de Interdição, [o Tribunal] passou a direcionar todos os esforços no sentido de transferir as seções para um único local. No entanto, provavelmente, isso não será possível. A expectativa é de que o problema seja solucionado o mais brevemente possível. O TRE reforça que dará ampla divulgação sobre os novos locais onde as 14 seções da 28ª Zona irão funcionar no 2º Turno, a fim de que os 6.406 eleitores que ali votam não sejam prejudicados", diz.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA