Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Vizinhos são denunciados por barulho e acabam presos por tráfico 

Caso aconteceu em Parauapebas, com a polícia detendo dois jovens e a mãe de um deles

O Liberal

De acordo com a Polícia Militar, a denúncia da vizinhança da rua rua Benjamin, no bairro Betânia, por volta das 22h30, desta terça-feira (22), era de um caso de perturbação do sossego, no entanto, dois jovens terminaram presos sob a acusação do crime de tráfico de entorpecentes. A mãe de um deles foi detida por desacato, no município de Parauapebas, no sudeste do estado. Com informações do site Zé Dudu.

Foram presos Igor Lopes de Oliveira, 23 anos, Dorival Cardoso, 22 anos, e Joseane Furtado Lopes, 44. Ela foi detida sob a acusação de desobediência e desacato. A denúncia de excesso de barulho foi feita ao Centro de Controle Operacional (CCO), apontando um aparelho de som em alto volume numa casa.

Acionada, uma equipe das Rondas Ostensivas com o Apoio de Motos foi ao local indicado. No endereço abordaram Igor Oliveira, que disse se chamar Mateus Lopes de Oliveira, e Dorival. Os dois, segundo a polícia, se comportaram de maneira considerada suspeita e resistiram à ordem policial antes de serem revistados.

Na revista, os policiais militares encontraram com cada um 20 gramas de cocaína e 20 gramas de maconha, e ainda com Igor, R$ 1.520,00. Com Dorival foi encontrado um celular com mensagens de pessoas solicitando entorpecentes por meio do aplicativo WhatsApp.

Os rapazes foram presos em flagrante. Segundo a polícia, Joseane foi detida porque teria tentado impedir o trabalho policial. Ela teria inclusive xingado os policiais e tentado tirá-los da casa. Joseana afirmava que na residência estava acontecendo o aniversário da neta dela, filha de Igor.

A PM levou Joseane algemada assim como os dois jovens para a 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil. Igor Lopes de Oliveira e Dorival Cardoso ficaram presos por tráfico e associação criminosa. Joseane Furtado Lopes foi liberada após se acalmar e prestar depoimento.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA