Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

PM apreende armas de fogo e objetos roubados e prende quatro pessoas em Altamira

Duas motocicletas foram apreendidas nas ações policiais

Redação Integrada

Quatro pessoas foram presas por porte ilegal de arma de fogo e receptação de objeto roubado no município de Altamira, no sudoeste do Pará, durante uma ação realizada por equipes do 16º Batalhão de Polícia Militar (16º BPM), na noite da última quarta-feira, 21. Duas armas de fogo e uma motocicleta roubada também foram apreendidas. 


A primeira ação aconteceu quando um militar, que saía de serviço, avistou um carro circulando em atitude suspeita e em alta velocidade. O policia então decidiu pedir apoio e seguir o veículo. Com a chegada da equipe policial no local, os dois rapazes que estavam no automóvel foram abordados. Durante a revista veicular, um revólver calibre. 38, uma balança de precisão e uma quantia de R$580 foram encontrados. Ao serem indagados, um dos suspeitos revelou para os policiais que a arma seria usada em um “acerto de contas” e que a suposta vítima não estava no local. Os dois jovens então foram levados para a delegacia. 

Já na segunda ação, uma motocicleta foi recuperada pelos policiais após ter sido roubada em frente a um hotel da cidade. Com a numeração adulterada, a moto estava em posse de dois homens que fugiam em alta velocidade. Ao perceberem a aproximação da polícia, um dos suspeitos atirou contra os policiais que precisaram revidar a agressão. Durante a troca de tiros, os suspeitos foram detidos e conduzidos junto com a motocicleta apreendida para a delegacia de Altamira onde passaram pelos procedimentos cabíveis.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA