Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Mesmo algemado, prisioneiro rende, toma arma e atira na cabeça de escrivão

Antônio Josivan Lopes Silva fugiu após os disparos; vítima não resistiu

Com informações do Diário do Nordeste

Um preso protagonizou uma cena cinematográfica que acabou em tragédia na Delegacia Regional de Tauá, no Sertão dos Inhamuns (Ceará). Mesmo algemado, Antônio Josivan Lopes Silva, 30 anos, recolhido à unidade por tráfico de drogas, conseguiu render o escrivão Aloísio Alves Lima Amorim, de 60 anos, tomando sua arma e disparando contra a sua cabeça.

O acusado e um comparsa haviam sido levados à Delegacia de Tauá após terem sidos presos por venda de entorpecentes no município de Pedra Branca, distante 260 km de Fortaleza. Após roubar a arma do escrivão, os dois ainda trocaram tiros com outros policiais na delegacia. O comparsa foi recapturado, mas Antônio Josivan conseguiu fugir mesmo algemado, levando a arma do escrivão.

Aloísio Amorim foi socorrido e levado a um hospital da cidade, mas não resistiu e morreu na madrugada desta sexta-feira (30). Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foram enviados reforços policiais para a região e disponibilizados todo aparato necessário para que o homem responsável pelo homicídio seja capturado.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA