logo jornal amazonia

Menino de 11 anos mata irmão a tiros durante brincadeira em comunidade quilombola de Santarém

O caso teria ocorrido por volta das 11h desta segunda-feira (9)

O Liberal
fonte

Um menino de 11 anos matou o próprio irmão, de 14 anos, a tiros de espingarda enquanto brincavam dentro de casa na manhã desta segunda-feira (9) na comunidade Quilombola de Saracura, região rural de Santarém, cidade no oeste do Pará. Ainda não se sabe como o crime ocorreu ou a quem pertence o armamento. As informações são do Portal RDN. 

VEJA MAIS 

image Adolescente erra tiros e mata o próprio irmão
Disparos eram direcionados a outra pessoa, que conseguiu sobreviver

image Filho mata pai de 55 anos com facada depois de tentar intervir discussão com irmão em Paragominas
O suspeito ainda chegou a dizer para à polícia que era adolescente, mas as autoridades constataram que ele era maior de idade

image Adolescente de 13 anos mata mãe e irmão após ter celular confiscado; pai está grave
A polícia informou que o menino alegou se sentir pressionado por cobranças para estudar e cumprir tarefas domésticas

As informações preliminares apontam que o caso teria ocorrido por volta das 11h. O armamento utilizado no crime se trata de uma espingarda calibre 12

O 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), que atende área de Santarém, confirmou a ocorrência, mas disse que não chegou a ser acionado para apurar toda situação. 

Equipes da Polícia Civil do Pará (PCPA) seguiram com uma equipe da Polícia Científica (PCEPA) ao endereço onde a morte foi registrada. 

A redação integrada de O Liberal solicitou mais detalhes a PCPA sobre todo caso e aguarda retorno. 

Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA