Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Médico morre em grave acidente entre carro e caminhão no Pará

A vítima atuava como ortopedista no Hospital Metropolitano de Belém

O Liberal

O médico ortopedista José Matos Aguiar, de 44 anos, morreu em um grave acidente de trânsito, na tarde desta segunda-feira (6), no quilômetro 98 da rodovia que liga Castanhal ao município de São Francisco do Pará, nordeste paraense. A vítima dirigia uma Hillux prata quando colidiu, frontalmente, contra uma carreta e capotou por diversas vezes.

José estaria a caminho do trabalho, na cidade de Igarapé-Açu quando se envolveu no acidente. As causas da colisão ainda são desconhecidas. O cadáver do médico foi removido pelos profissionais do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves e levado para o Instituto Médico Legal de Castanhal. O motorista da carreta não ficou ferido, segundo as autoridades que atenderam a ocorrência.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram que, com a força da batida, partes do veículo de passeio foram arrancadas, fazendo com que o carro de José ficasse totalmente destruído, o que reforça a violência do acidente. Nas imagens, também é possível ver pedaços do veículo espalhados pela rodovia. “Que triste, um excelente médico”, “Meus sentimentos aos familiares e amigos”, “Sempre será lembrado por todos que te conheceram”, “Uma perda muito grande para a nossa região”, lamentaram amigos e pacientes.

Pesar

Por meio de nota, o Conselho Regional de Medicina do Pará disse que “lamenta profundamente o falecimento do médico e presta solidariedade aos familiares, amigos e pacientes por esta perda irreparável”.

A Prefeitura de Castanhal também se manifestou em seu perfil oficial no Facebook: “Castanhal perdeu hoje um grande cidadão, que dedicou a sua vida à ortopedia. Conhecido por seu excelente trabalho, desenvolvido em Castanhal e em outras regiões do Estado, e pelo carinho com que tratava seus pacientes”, diz a nota oficial.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA