logo jornal amazonia

Jovem de 18 anos morre após receber descarga elétrica enquanto usava o celular, em Santarém

O Liberal

Uma jovem de 18 anos morreu após receber descarga elétrica em Santarém, no oeste do Pará. O caso ocorreu na madrugada deste domingo (29) na comunidade São Francisco do Carapanari, na região do Eixo Forte. A vítima foi identificada como Radja Ferreira de Oliveira, segundo o que foi apurado pelo G1 Santarém.

De acordo com o enfermeiro do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), Adilson Soares, as equipes foram acionadas pelo NIOp (Núcleo Integrado de Operações). Quando a equipe do Samu se dirigia ao local da ocorrência, a vítima já havia recebido os primeiros socorros e era levada ao hospital pela família.

VEJA MAIS

Homem morre ao receber descarga elétrica, em Belém
Acidente ocorreu nesta segunda-feira (23), no bairro da Cabanagem

Utilizar celular conectado a rede elétrica oferece riscos, alerta concessionária de energia
Uma mulher de 31 anos morreu ao sofrer uma descarga elétrica após atender o celular que estava carregando

A jovem não resistiu. "Ela já estava sem sinais vitais. O médico constatou que ela estava em óbito", disse Soares. A mãe de Radja Ferreira contou às equipes que a jovem estava mexendo no celular conectado à tomada quando um raio caiu. A jovem ficou desacordada e foi socorrida pelos familiares, mas não resistiu.

Nas redes sociais, muitos lamentaram a morte da jovem, e o caso da morte dela foi usado como exemplo do que não fazer ao usar equipamentos conectados à rede elétrica. Também nas redes, familiares de Radja começaram uma campanha para custear o enterro e o velório da vítima.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA