Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem que matou por R$ 0,50 no Pará é condenado a 13 anos de prisão

O crime aconteceu no 13 de novembro de 2021, no município de Concórdia do Pará, região nordeste do estado e a vítima foi morta com um golpe de faca

O Liberal

Odair José Celestino de Santana foi condenado a 13 anos e seis meses de reclusão por matar um homem após uma discussão por 50 centavos. A Comarca de Vara Única de Concórdia do Pará, em sessão do Tribunal do Júri, decidiu a sentença na última quarta-feira (29) e foi presidida pelo juiz Iran Ferreira Sampaio. O crime aconteceu no dia 13 de novembro de 2021, no município de Concórdia do Pará, região nordeste do estado. A vítima foi André de Assis Pontes.

VEJA MAIS

Homem que matou patrão por 300 reais é preso em Altamira
Acusado ainda escondeu o corpo da vítima e fugiu com a moto dela

Dupla que matou homem por dívida de R$500 é presa no Pará
A polícia informa que eles confessaram o crime cometido nesta segunda-feira (28)

Filho assassina o pai de 85 anos após ele negar R$ 2
Assassino confesso teria ficado 'chateado' e por isso matou a vítima com golpes foices e faca

O réu, que era vendedor de cigarros, teria discutido com um outro homem, identificado como Danilo Santos de Matos, que teria adquirido um cigarro por R$ 0,50, mas não pagou. Odair começou a discutir com Danilo. André estava no estabelecimento, se aproximou e começou a brigar com o vendedor. Odair esfaqueou André de Assis e fugiu.

A vítima foi socorrida para o Hospital Metropolitano de Urgência (HMUE), em Ananindeua. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

Relembre o caso

André era amigo de Danilo e por isso decidiu verificar a confusão. A vítima teria levado a mão à cintura para apanhar sua carteira e pagar o cigarro, no valor de cinquenta centavos. Testemunhas disseram que Odair pensou que André estava armado e, por isso, sacou uma faca e o golpeou, deixando o rapaz com o intestino exposto.  

 O vendedor de cigarros foi preso no dia 14 de novembro do ano passado dentro da sua própria casa. Confirmada a morte de André, Odair respondeu por homicídio qualificado. A vítima deixou a esposa e três filhos.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA