Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Dia do Canhoto: data traz visibilidade aos 10% da população mundial que usa a mão esquerda; vídeo

Canhotos ainda lidam com comentários e tabus a respeito da dominância sobre a mão esquerda

Camila Guimarães

Neste sábado, 13 de agosto, é comemorado o Dia Mundial dos Canhotos, data que busca dar visibilidade às questões relativas aos 10% da população mundial que têm dominância sobre a mão esquerda. Em um mundo 90% pensado para destros, pessoas canhotas acabam tendo que se adaptar.

A estudante universitária Luciana Capela, de 23 anos, é canhota desde pequena. Ela diz que sempre demonstrou ter maior dominância sobre a mão esquerda do que sobre a direita:

“A minha mãe e a minha avó perceberam que sempre que elas me ofereciam alguma coisa, eu pegava com a mão esquerda. Como a minha avó trabalhava em um setor educacional, ela me levou para uma avaliação comigo. Ela também passou objetos para mim, viu que o meu chute também era para o lado esquerdo. Então chegaram à conclusão de que eu realmente sou canhota”.

Luciana destaca que a grande dificuldade enfrentada por ser canhota sempre foi dentro de sala de aula, onde a maioria das carteiras sempre foram adaptadas para destros:

“Como a gente pode ver, principalmente nas escolas públicas, a maioria oferece carteiras adaptadas para destros. É raríssimo a gente ver cadeiras para canhotos. Teve anos, no colégio, em que tinha mais de uma pessoa canhota na sala e a gente tinha que usar cadeira de destro. A gente se sente confortável por ter que se virar para escrever. Às vezes doía até as costas”, relata.

Comentários sugerem que pessoas ainda estranhem a dominância sobre a mão esquerda. (Ivan Duarte / O Liberal)

Luciana afirma que ela mesma não considera que ser canhota seja um problema. Na verdade, para ela, é algo bastante natural. No entanto, os comentários que ela já ouviu ao longo da vida sugerem que, para algumas pessoas, a dominância sobre a mão esquerda ainda causa alguma estranheza:

“Existem os comentários surpresos ‘ah, tu és canhota’, alguns dizem ‘nossa que fofo, diferente’, outros dizem, ‘nossa, é muito estranho’. Também tem algumas pessoas que dizem ‘nossa, tu és toda ao contrário’”, detalha.

Além de lidar com os comentários, algumas outras atividades acabam sendo um pouco mais desafiadoras para quem usa a mão esquerda, devido ao mundo ser muito mais adaptado aos destros. No entanto, isso não é um problema para Luciana:

Pra quem é canhoto tem uma dificuldade a mais tocar violão, por exemplo, ou usar um mouse, sem adaptação. A força também é menor na mão direita, então, quando eu jogo queimada, por exemplo, se tiver que usar a mão direita, a bola vai mais fraca. Mas para mim isso é natural, porque o mesmo acontece com quem é destro e precisa usar a mão esquerda”.

Tabu da genialidade

A ciência explica que o cérebro é dividido em dois hemisférios – direito e esquerdo – e que cada um é responsável pelos movimentos da parte oposta do corpo. Por isso, os destros são guiados pelo lado esquerdo do cérebro, e canhotos, pelo lado direito. No entanto, os cientistas Witelson e Goldsmith (1991) avaliam que indivíduos canhotos apresentam ser mais bi-hemisféricos nas representações funcionais cognitivas do que os indivíduos destros, o que pode estar por trás do tabu de genialidade ligado às pessoas canhotas.

Esse tabu também acabou sendo reforçado, ao longo da história, pelo fato de muitos nomes famosos da ciência e das intelectualidades serem canhotos. Confira a lista de alguns famosos que têm dominância sobre a mão esquerda:

Famosos que sãop canhotos 

  • Albert Einstein: físico alemão que elaborou a famosa Teoria da Relatividade.
  • Ayrton Senna: tricampeão mundial brasileiro de Fórmula 1.
  • Bill Gates: dono da maior empresa de informática do planeta, a Microsoft, e um dos homens mais ricos do mundo.
  • Fidel Castro: líder revolucionário e estadista cubano.
  • Kurt Cobain: ídolo de toda uma geração, comandou a banda americana Nirvana nos anos 90.
  • Leonardo DaVinci: um dos mais completos e importantes artistas da história.
  • Ludwig Van Beethoven: compositor de obras famosas como a Nona Sinfonia.
  • Machado de Assis: escritor brasileiro e autor de obras icônicas como, “Dom Casmurro”, fundador e primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras.
  • Mahatma Gandhi: líder nacionalista indiano.
  • Napoleão Bonaparte: imperador francês.
  • Paul McCartney: baixista dos Beatles.
  • Pelé: o atleta do século XX chutava com a direita, mas escreve com a esquerda.

Fonte: Calendarr Brasil

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ