Caminhada nesta sexta pede fim da violência contra a mulher em Marituba

Redação Integrada

Em solidariedade às vítimas dos ataques do “maníaco de Marituba”, caso que chocou a sociedade paraense nos últimos dias, representantes de vários segmentos de mulheres do município de Marituba farão uma caminhada, nesta sexta-feira (17), para pedir paz e o fim da violência contra a mulher. A concentração será a partir das 8h, na Praça da Matriz, do município.

A ação, que tem o apoio da Prefeitura de Marituba, também visa alertar a sociedade e os moradores para situações de perigo e reforçar as ações já encaminhadas pelo poder municipal e estadual sobre as medidas protetivas para mulheres e em relação à segurança em todo o município. 

Além de prestar todo o apoio nas investigações da Polícia Civil do Estado, a Prefeitura de Marituba também tem intensificado ações de segurança para o município. Na última quarta-feira (15), o prefeito Mário Filho se reuniu com o governador Helder Barbalho e a deputada Michele Begot, para pedir agilidade na construção da Delegacia da Mulher que de acordo com o governador, a construção será iniciada ainda este ano.

A informação sobre a construção da Delegacia da Mulher em Marituba foi repassada nesta quinta-feira (16) na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), em Belém, ao grupo de mulheres que está à frente da caminhada nesta sexta-feira (17), pela deputada Michele Begot, autora do pedido, e pelo secretário de segurança do município, Ádamo Silva e titular da Segup, Ualame Machado.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM PARÁ