Vírus mortal com transmissão entre humanos é descoberto na Bolívia

Chapare causa febres hemorrágicas e foi transmitido a profissionais de saúde em La Paz, resultando em três mortes

Redação Integrada com informações do The Guardian

Pesquisadores dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos descobriram a transmissão entre humanos de um vírus raro na Bolívia, pertencente a uma família de vírus que pode causar febres hemorrágicas, como o Ebola.

Cientistas disseram que em 2019, dois pacientes transmitiram o vírus a três profissionais de saúde em La Paz, na Bolívia. Um dos pacientes e dois funcionários médicos morreram posteriormente. Apenas um pequeno surto do vírus foi documentado anteriormente, na região de Chapare, 370 milhas a leste de La Paz, em 2004.

“Nosso trabalho confirmou que um jovem residente médico, um médico de ambulância e um gastroenterologista contraíram o vírus após encontros com pacientes infectados”, disse Caitlin Cossaboom, epidemiologista da divisão de patógenos e patologias de alta consequência do CDC. Dois dos profissionais de saúde morreram posteriormente. “Agora acreditamos que muitos fluidos corporais podem potencialmente transportar o vírus.”

Acredita-se que o vírus seja transmitido por ratos, que por sua vez podem tê-lo transmitido aos humanos. Em geral, os vírus que se propagam através dos fluidos corporais são mais fáceis de conter do que os vírus respiratórios como o covid-19.

“Isolamos o vírus e esperávamos encontrar uma doença mais comum, mas os dados da sequência apontavam para o vírus Chapare”, disse Maria Morales-Betoulle, patologista do CDC. “Ficamos realmente surpresos.”

Os resultados foram apresentados nesta segunda-feira, 17, na reunião anual da Sociedade Americana de Medicina Tropical e Higiene (ASTMH). Eles são vistos como importantes porque a transmissão de pessoa para pessoa pode apontar para o potencial de surtos futuros.

Os pesquisadores também disseram que é possível que o vírus tenha circulado por alguns anos sem ser detectado, porque poderia ser facilmente diagnosticado como dengue, um vírus com sintomas semelhantes. Os cientistas disseram que precisam continuar a estudar o vírus para entender sua capacidade de causar surtos.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO