Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Irã nega envolvimento no ataque a Salman Rushdie e culpa escritor e seus apoiadores

Autor do livro "Os Versos Satânicos" foi esfaqueado por um homem na última sexta-feira (12/08)

O Liberal

O porta-voz do Ministério de Relações Exteriores do Irã , Nasser Kanaanido, afirmou que que o país não tem envolvimento no ataque a facadas contra Salman Rushdie. "Ninguém tem o direito de fazer acusações contra o Irã", declarou. "Não consideramos ninguém além do próprio Salman Rushdie e seus apoiadores [pelo ataque], dignos de reprovação e condenação", completou Kanaanido. As informações são do G1 Mundo.

VEJA MAIS

Lei do Talião: Justiça condena três pessoas a perder um olho no Irã
Os condenados tiveram o mesmo fim dos atos cometidos

Noiva morre em casamento após convidado dar tiros ao alto para comemorar a cerimônia
A jovem Mahvash Leghaei foi socorrida pelos paramédicos, mas não resistiu aos ferimentos

Adolescente é decapitada pelo marido e cunhado dele após suspeita de adultério
Homem circulou pela rua com a cabeça da jovem de 17 anos, morta pelo suspeito e pelo cunhado dele

Salman Rushdie apresenta melhoras e é retirado de respirador após ser esfaqueado em Nova York
O ataque foi condenado por escritores e políticos de todo o mundo como um atentado à liberdade de expressão

Escritor Salman Rushdie pode perder um olho; autor de ataque foi identificado
O autor foi esfaqueado teve os nervos de um braço cortados e foi atingido no fígado

Autor de "Os Versos Satânicos", visto por alguns muçulmanos como blasfêmia, o escritor anglo-indiano de 75 anos chegou a ser jurado de morte pelo Irã. Na sexta-feira (12), ele levou entre 10 e 15 facadas de um homem que invadiu o palco de uma palestra que Rushdie se preparava para fazer no Instituto Chautauqua, no oeste do estado de Nova York. Segundo a família, ele está internado e já foi extubado.

Identificado como Hadi Matar, de 24 anos, o suspeito do ataque foi detido por policiais que estavam no evento e formalmente acusado por tentativa de homicídio e agressão, no sábado. Ele está preso sem possibilidade de fiança.

Versos Satânicos

O livro “Os Versos satânicos” foi especialmente polêmico por ter um personagem inspirado no profeta Maomé retratado de forma considerada ofensiva por líderes da comunidade muçulmana.

Muitos muçulmanos o consideram uma blasfêmia e a obra foi proibido no Irã em 1988. Um ano depois, o falecido líder do Irã, o aiatolá Ruhollah Khomeini, emitiu uma fatwa, ou edito, pedindo a morte de Rushdie.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO