Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é condenado a 10 dez anos após injetar sêmen nas nádegas de mulher desconhecida

Após o ataque, vítima foi ao hospital por apresentar lesão no glúteo

O Liberal

O norte-americano Thomas Stemen, de 53 anos, foi condenado a dez anos ao injetar sêmen em uma mulher utilizando uma seringa, em fevereiro do ano passado, em um mercado em Churchtown, no estado de Maryland. As informações são do IG.

Na ocasião, Katie fazia as compras em uma mercearia quando o acusado entrou no estabelecimento e aplicou a seringa nos glúteos da vítima. A mulher chegou a gritar com Stemen perguntando se ele a queimou com o cigarro, mas o rapaz negou as acusações. 

Em entrevista à emissora WTTG, ela contou que ao chegar em casa notou uma mancha vermelha, indicativo de um ferimento, e sentiu que sua calça estava molhada. O ferimento evoluiu e Katie teve que ir ao hospital. 

Investigações da polícia levaram os agentes ao, até então suspeito, e conseguiram localizar dentro do veículo dele uma seringa com um líquido incolor. Eles também acharam uma outra seringa na prateleira de cima de seu armário de remédios e outras  espalhadas pela casa. 

Após serem realizados testes laboratoriais, foi constatado que era sêmen, compatível com o DNA do suspeito. Ele foi preso pelos agentes. 

 

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO