Homem doa testículo a seu irmão gêmeo para que ele possa ter filhos

Cirurgia traz esperança para homens transexuais, mas ainda gera polêmica sobre ato ético

Com informações do The New York Times

Uma equipe médica realizou o terceiro transplante de testículos da história na Sérvia. O procedimento foi feito entre irmãos gêmeos de 36 anos: o doador, que nasceu com o escroto completo, doou uma das gônadas ao irmão, que nasceu sem nenhuma. 

Segundo o The New York Times, as outras duas vezes que um procedimento do tipo foi realizado foi na década de 1970 — e também entre gêmeos idênticos. Além da produção de hormônios, o testículo doado permite que o receptor tenha filhos.

Casos como o dos irmão sérvios trazem esperanças para homens transexuais, ainda há uma série de questões éticas a serem debatidas antes de procedimentos do tipo se tornarem populares. 

Ainda assim, casos do tipo trazem esperanças para pessoas que estejam na mesma situação que os irmão idênticos. De acordo com os especialistas, a cirurgia é delicada, pois os médicos têm pouco tempo para realizar o procedimento sem prejudicar a gônoda que está sendo transplantada. 

Felizmente, o caso na Sérvia foi bem-sucedido. Os cirugiões foram capazes de religar as veias necessárias para manter a saúde do órgão. O duto que leva o esperma ao pênis, entretanto, não pôde ser conectado, e os especialistas esperam resolver essa questão em um procedimento futuro.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!