Hacker invade câmera de segurança e fala com menina de 8 anos

Devido a uma brecha na segurança do aparelho, um homem pôde conversar com a criança se passando pelo Papai Noel

Redação Integrada com informações da revista Crescer

Um casal norte-americano aproveitou os descontos da Black Friday e comprou uma câmera de segurança no quarto das três filhas. O objetivo era que a mãe, a enfermeira Ashley Lemay, pudesse ver e conversar com as meninas enquanto trabalha no turno da noite.

Apenas quatro dias após a instalação do aparelho, Alyssa, de 8 anos, estava brincando no quarto quando ouviu a voz de um estranho e entrou em desespero.

"Olá!", disse a voz misteriosa. Assustada, a menina perguntou: "Quem está aí?". "u sou o seu melhor amigo. Eu sou o Papai Noel", respondeu o invasor. A menina então começa a chorar e chamar pela mãe. O hacker continua: "Eu sou o Papai Noel. Você não gostaria de ser a minha melhor amiga?".

Os momentos de terror acabaram quando o pai de Alyssa correu para o quarto.

"Eu assisti ao vídeo e meu coração quase parou. Quase nem cheguei ao fim em que ela está gritando 'mamãe, mamãe'", disse a enfermeira ao jornal WMC.

"Eles poderiam ter assistido minhas filhas dormindo ou se trocando. Quer dizer, eles poderiam ter visto qualquer coisa. Honestamente, eu sinto que é alguém que nos conhece e está por perto", completou.

A mãe admite que não havia configurado a autenticação de dois fatores na conta que criou no site da fabricante, Ring. A família conta que tomou outras precauções de segurança desde o incidente, como configurar o wi-fi para que não fique visível para os outros. 

A câmera agora está no balcão, desconectada e esperando para ser devolvida.

A empresa fabricante da câmera afirmou à mãe que segurança é prioridade e que eles vão investigar o caso. A polícia local, em Mississippi, também foi acionada.

Em nota, a empresa Ring informou:

"A confiança do cliente é importante para nós e levamos a segurança de nossos dispositivos a sério. Enquanto ainda estamos investigando esse problema e tomando as medidas apropriadas para proteger nossos dispositivos com base em nossa investigação, podemos confirmar que esse incidente não tem relação alguma com violação ou comprometimento da segurança de Ring.

Devido ao fato de os clientes geralmente usarem o mesmo nome de usuário e senha para suas várias contas e assinaturas, os hackers geralmente reutilizam credenciais roubadas ou vazadas de um serviço em outros serviços. Como precaução, incentivamos os usuários a habilitarem a autenticação de dois fatores em sua conta, adicionar usuários compartilhados (em vez de compartilhar credenciais de login), usar senhas fortes e alterá-las regularmente."

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!