Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Guerra: Contraofensiva da Ucrânia avança e reconquista quase 6 mil km² que haviam sido ocupados

Avanços ucranianos podem abalar ofensiva da Rússia e regime de Vladimir Putin

O Liberal

A contraofensiva ucraniana nos últimos dias reconquistou quase 6 mil quilômetros quadrados (km²) de territórios no Sul e Leste do país. Para analistas, esse cenário pode representar uma virada no conflito entre a Ucrânia e a Rússia, principalmente com as duras críticas de nacionalistas russos e apoiadores de Vladimir Putin à estratégia militar do Kremlin. As informações são da Agência Brasil.

Os ganhos de territórios foram anunciados pelo presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, na segunda-feira (12). Caso confirmados, são os maiores da Ucrânia desde a retirada das forças russas dos arredores de Kiev, no fim de março.

Ainda assim não há sinais de que a guerra esteja perto do fim. Neste momento, a contraofensiva ucraniana está focada em Kharkiv, onde pretende assumir controle total da província. Os militares do país já avançaram 50 km no sentido da fronteira com a Rússia, e o Ministério britânico da Defesa admite uma ordem de retirada das tropas russas.

VEJA MAIS

'Não perdemos nada na Ucrânia, a Rússia ganhou', afirma Vladimir Putin sobre os impactos da guerra
O presidente russo fez a fala ao ser indagado por um dos moderadores do Fórum Econômico Oriental sobre o assunto

‘Estamos vivendo uma guerra mundial, paremos’, diz Papa Francisco
Na Audiência Geral desta quarta-feira (07/07), ele voltou a demonstrar preocupação com a guerra da Ucrânia

Inflação e guerra na Ucrânia: os desafios de Truss a frente do Reino Unido
Aos 47 anos, líder do Partido Conservador assume o cargo nesta terça (6)

Os russos teriam deixado para trás estoques de munição e outras armas, como minas, granadas, mísseis e vários veículos de combate, durante a retirada de Kharkiv.

As autoridades ucranianas tamvém têm relatado sucesso na região de Kherson, no Sul, ocupada pela Rússia, na fronteira com a Crimeia anexada e nas regiões orientais sob controle de separatistas pró-russos desde 2014.

“Desde o início de setembro, nossos militares já libertaram quase 6 mil km² de território ucraniano no Leste e no Sul, e ainda estamos avançando”, declarou o presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO