Gluck Paul propõe mudar gestão do Paysandu; medida pode alterar nome do clube

Mandatário defende existência de um presidente exclusivo para o futebol e outro só para os esportes amadores. Alteração pode impactar no sufixo do Paysandu

Fabio Will

O presidente do Paysandu, Ricardo Gluck Paul, vai participar nos dias 7 e 8 de novembro da I Conferência de Futebol do Nordeste, na cidade de Recife-PE. O mandatário bicolor será um dos palestrantes e vai falar sobre um tema polêmico, como uma possível mudança de nome do Paysandu e a divisão de tarefas administrativas do futebol e esportes olímpicos.

Em conversa com a equipe de OLiberal.com, Gluk Paul falou sobre o projeto que está em pauta no clube e que visa fortalecer o Paysandu em todas as modalidades esportivas.

“Clubes como Atlhetico-PR, Internacional-RS e Grêmio-RS acabaram com as modalidades olímpicas e viraram clubes de futebol, que é uma das missões do Paysandu, mas mantendo todos os esportes tidos como ‘amadores’. Como é que consegue controlar o futebol e ao mesmo tempo ter a responsabilidade de gerir tempo, pessoas e dinheiro dos outros esportes? Estamos propondo um trabalho de separar o clube, estudando mercado e também mudanças no estatuto. A intenção é que o Paysandu tenha dois CNPJ e aí sim, separar politicamente, financeiramente. O Paysandu do futebol sendo dotado do espaço da Curuzu e Centro de treinamento e o Paysandu dos esportes olímpicos, que seria na Sede Social e gerido por outro presidente, que seria eleito normalmente. Teríamos eleições para dois presidentes”, disse.

FORTALECIMENTO

Ricardo acredita que o clube sendo dividido em futebol profissional e categorias de base e esportes olímpicos, o Paysandu como um todo poderia ganhar autonomia.

“O Paysandu visa fortalecer e não quer acabar com esporte amador. Tudo que falei é possível e para que isso saia do papel é um desafio. Temos que mexer no estatuto e separar as coisas politicamente, financeiramente e administrativamente. O presidente dos esportes amadores terá que buscar parcerias, melhorias e cobrar as taxas necessárias. Lógico que teremos bolsas para alguns atletas que se destacam, mas que sejam humildes e que comprove que não possam pagar.

ATUAL MOMENTO

Em números, Ricardo deu um exemplo do que ocorre com os esportes amadores do clube. A intenção é que o clube seja uma escola não só de modalidades, mas sim de vivência e formação de pessoas de bem.

“Já fizemos uma reunião com pais de alunos. Só no futsal temos 220 atletas federados. Apenas 20% desse número pagam a escolinha e os outros não pagam nada. Essa visão romântica de atletas que já contribuíram com títulos para o clube não pagar, gera uma estrutura ruim, pois a minoria acaba sustentando tudo e essa conta não bate em lugar nenhum. Os clubes servem para formar atletas, mas além disso formam cidadãos através dos valores do esporte. Então o clube passa a ser uma ‘escola’, que precisa de recursos para se sustentar e funcionar”, salientou.

MUDANÇA DE NOME

O presidente bicolor que o nome Paysandu Sport Clube poderá sofrer alterações, mas que não mudará o sentimento pelo clube. Para ele a mudança é para melhor visando conquistas grandiosas.

“Já foi proposto ao presidente da assembleia geral, estamos em fase de constituir uma comissão, propor a alteração para em seguida a assembleia geral votar.  O nome Paysandu ‘Sport Clube’ pode até mudar, por quê não? Isso é um detalhe. Mas a mudança semântica é outra. Podemos também manter o ‘Paysandu Sport Clube’ e acrescentar o FC. Tudo é questão de visão, de mostrar que o presidente que cuida do futebol profissional, possui algumas situações que impossibilitam de cuidar do basquete, vôlei, futsal”, finalizou.

CONFERÊNCIA

O evento visa um estreitamento entre os clubes, buscando soluções, debatendo ideias de como fortalecer o futebol nordestino. Executivos de futebol, dirigentes e membros da imprensa estarão na Conferência de Futebol do Nordeste.

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!