Espião, atacante do Paysandu conhece o Juventude: 'Sei da dificuldade'

Diego Rosa terá sequência no comando de ataque do Paysandu

Redação Integrada

Em crescimento, embora ainda não tenha feito gols com a camisa do Paysandu, o atacante Diego Rosa é um forte candidato a seguir como titular da equipe de Hélio dos Anjos.

Além da questão técnica, em que tem sido uma opção de velocidade, Diego é um profundo conhecedor do Juventude-RS. Ele jogou em duas temporadas consecutivas com a camisa do time de Caxias, em 2008 e 2009. Portanto, estas credenciais são essenciais para que a comissão técnica o utilize num jogo cuja tendência é de dificuldade para os bicolores - o Juventude é o líder do grupo B, com 19 pontos. O Paysandu tem 17, está em quarto lugar.

"Todos sabemos que eles são fortes na marcação. Quando jogam em casa, eles atuam em cima. Joguei lá dois anos, sei da dificuldade, mas podemos conseguir a vitória com garra e concentração", recomenda. 
  
Outra particularidade de Diego o credencia a continuar entre os 11 titulares: a voluntariedade no ataque. "Ali na frente, eu não escolho a posição. O que o professor precisar, eu faço, sem problema". 

Para Diego, o Papão precisa ser ousado. "Cada jogo é uma guerra. Está tudo muito apertado. Pelo menos, queremos sair, com um empate". 
 

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!