Em busca da Seleção Brasileira, paratleta paraense participa do Grand Prix de judô em São Paulo

Victória Emily disputa, no próximo sábado (19), a competição que, além de medalha, pode garantir uma vaga na Seleção

O Liberal
fonte

A paratleta paraense Victória Emily, disputa no próximo sábado (19), o Grand Prix de judô, que ocorre no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. A jovem de 17 anos busca fazer uma boa competição e ficar entre as melhores colocadas para conseguir uma vaga na Seleção Brasileira da modalidade, o que a deixará mais perto das Paralimpíadas de 2024, que será em Paris, na França. 

VEJA MAIS

image Campeão mundial do judô vai voltar a competir e escolheu o Rio de Janeiro para retomar preparação
Ele classificou que um ouro em Paris 2024 seria o ‘auge’ da carreira.

image Em Belém, Associação de Judô Rio Caeté / S.E Caeté garante título do Circuito Paraense
Competição foi realizada no final de semana e reuniu mais de 500 atletas no Ginásio do Sesi, em Belém

Victória é deficiente visual e já possui certa experiência no judô paralímpico, com destaque nas paralimpíadas escolares, onde conquistou medalhas de ouro. No Grand Prix, a paraense lutará na categoria leve, até 48kg.  

“Sabemos como é o Grand Prix, então, estou me preparando como nunca para obter uma vaga na seleção para contemplar o meu sonho”, contou a jovem.

Com o objetivo de ficar entre as melhores, Victória tem feito treinos diários, entre às 18h até às 21h.

Mudanças

O Grand Prix sofreu mudanças na classificação oftalmológica. A partir de agora, quem for cego total (antigo B1) só lutará contra atletas com a mesma classificação. Essa decisão é fruto de uma antiga reivindicação dos judocas que consideravam injusto um cego total lutar contra quem era B2 (percepção de vulto) ou B3 (definição de imagem), por entender que entravam no combate em desvantagem.  

"É bom poder pegar no quimono de pessoas que têm exatamente o mesmo grau de deficiência que a gente. A mudança é importante para nós”, opinou Victória

A paraense embarca para São Paulo na sexta-feira (18), ao lado do treinador Reinaldo Costa. Ao todo, nesta edição do Grand Prix de Judô, 117 atletas, sendo 81 homens e 36 mulheres, estão na disputa. 

Mais Esportes
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES