Deiveson Figueiredo defende cinturão peso-mosca do UFC contra norte-americano

A luta será em Las Vegas, nos Estados Unidos, na noite deste sábado

Andreia Espírito Santo

O paraense Deiveson ‘Daico’ Figueiredo defende pela primeira vez, na noite deste sábado (21), o cinturão da categoria peso-mosca (até 56,7 kg) do UFC. Ele vai enfrentar o norte-americano Alex Perez, número quatro na categoria. A luta será no UFC Apex, em Las Vegas, nos Estados Unidos.  

Deiveson conquistou o título em julho deste ano, com uma finalização sobre Joseph Benavidez. Nascido em Soure, na Ilha do Marajó, Daico tem 19 vitórias e apenas uma derrota na carreira. O lutador revela o que mudou desde que conquistou o cinturão do peso-mosca.

“Muitas coisas mudaram. Eu consegui aumentar minha equipe, contratar alguns treinadores, estou montando um novo centro de treinamento. Meus treinos aumentaram e melhoraram. Hoje eu consigo ser um profissional completo. Um atleta que treina, vai para casa, se alimenta bem e descansa”, comentou.

Alex Perez possui uma sequência de três vitórias - a última sobre Jussier Formiga, em junho. O norte-americano ainda foi o primeiro atleta contratado pelo Dana White’s Contender Series a disputar um cinturão.

Deiveson conta que conhece o retrospecto do adversário, mas garante estar mais preparado para a luta.

“Nenhuma luta é fácil, toda luta é perigosa e eu não subestimo ninguém. Mas sempre treino para lutar com o melhor. Respeito muito o Alex Perez, mas sábado vou fazer a luta se tornar fácil para mim”, garantiu.

O lutador ainda promete mostrar porque a categoria peso-mosca precisa sempre estar nos holofotes do UFC.

“Eu sou o dono dessa categoria. Eu entro para dar show e sinto que cheguei para trazer um novo gás para a divisão. A minha luta neste sábado vai provar isso novamente. Vou mostrar que o peso-mosca merece estar sempre em destaque na organização”, afirmou.

Brasileira quer o cinturão 

A brasileira Jennifer Maia também vai estar na disputa pelo cinturão do peso-mosca na noite deste sábado. Ela vai ter a missão de tirar o título da quirguistanesa Valentina Shevchenko.

Jennifer é paranaense e número três na categoria. Ela conquistou a vaga de desafiante depois de finalizar Joanne Calderwood com uma chave de braço me agosto. Com isso, ela soma agora 18 vitórias, seis empates e uma derrota no MMA.

Já Shevchenko vai para a quarta defesa do título peso-mosca. Conhecida por ‘Bullet’, ela é uma das campeãs mais dominantes do UFC, por ter vencido Jessica Eye, Liz Carmouche e Katlyn Chookagian de forma incontestável.

O UFC 255 será transmitido pelo canal Combate, sendo que as duas primeiras lutas da noite vão passar no SporTV2 e no Twitter e no Facebook da organização.

UFC 255: FIGUEIREDO x PEREZ

21 de novembro de 2020, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL (0h, horário de Brasília):

Peso-mosca: Deiveson Figueiredo x Alex Perez

Peso-mosca: Valentina Shevchenko x Jennifer Maia

Peso-meio-médio: Mike Perry x Tim Means

Peso-mosca: Katlyn Chookagian x Cynthia Calvillo

Peso-meio-pesado: Maurício Shogun x Paul Craig

CARD PRELIMINAR (20h30, horário de Brasília):

Peso-mosca: Brandon Moreno x Brandon Royval

Peso-médio: Joaquin Buckley x Jordan Wright

Peso-mosca: Antonina Shevchenko x Ariane Lipski

Peso-meio-médio: Nicolas Dalby x Daniel Rodriguez

Peso-meio-médio: Alan Jouban x Jared Gooden

Peso-médio: Kyle Daukaus x Dustin Stoltzfus

Peso-meio-médio: Louis Cosce x Sasha Palatnikov

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS ESPORTES

MAIS LIDAS EM ESPORTES