SÉRIE C: CBF rejeita mudança no calendário e dupla Re-Pa não se adequará ao futebol europeu

Secretário geral da CBF, Walter Feldman, descartou a possibilidade

Andre Gomes

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) descartou a possibilidade de o Brasileirão se adequar ao calendário do futebol europeu, devido à parada por causa da pandemia do novo coronavírus. Com isso, o Brasileirão Série C, que conta com a dupla Re-Pa, mantém a fórmula de disputa anual. Foi o próprio secretário geral da CBF, Walter Feldman, que rechaçou a medida.

Uma das discussões mais presentes em torno do futebol brasileiro é a formatação do calendário. Enquanto no Brasil, as competições ocorrem de meados janeiro a dezembro, no continente europeu, os campeonatos são disputados de agosto de um ano ao mês de maio do outro. Com um período maior para a pré-temporada (todo o mês julho).

Com a suspensão dos jogos por tempo indeterminador, e os campeonatos estaduais ainda em andamento, o Brasileirão de pontos corridos (Série A e Série B) pode se tornar inviável. Já a Terceirona, onde estão Remo e Paysandu, está agendada para começar no dia 3 de maio e ir até 8 de novembro. Resta saber quais mudanças serão feitas para manter o atual formato de disputa.

Neste ano, Remo e Paysandu estão no grupo A da Série C do Brasileiro. Caso não haja alterações na tabela de jogos, o Papão estreará contra o Santa Cruz-Pe, em Belém. Já o Remo viajará para Riachão do Jacuípe (BA) e visitará o Jaacuipense (BA), na rodada inicial do torneio.

Para 2020 houve mudanças no formato. Ao invés do mata-mata, agora quatro clubes de cada um dos dois grupos avançam à segunda fase, que será dividida em dois quadrangulares. Os dois primeiros de cada uma das chaves conquistam o acesso à Segundona.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES