Promotora entra com ação na Justiça e MP veta estádio de clube do Parazão

Estádio Modelão pode ser excluído do estadual

Andre Gomes

Há pouco mais de uma semana da abertura do Campeonato Paraense, o Castanhal vive uma incerteza. A promotora de Justiça de Defesa Comunitária e Cadadania do município, Carmen Burle da Mota de Freitas, entrou com uma ação na Justiça para a suspensão do Estádio Municipal Maximino Porpino Filho, o "Modelão", da prefeitura local e onde o Japiim manda as partidas e o Ministério Público vetou a praça esportiva. A ideia é que o estádio seja fechado para reformas.

"A gente não se pronunciou ainda, porque foi uma decisão do Ministério Público. Mas o orgão da prefeitura [de Castanhal] já está tentando resolver isso. É melhor adotar a cautela agora, esperamos que até semana que vem esteja tudo resolvido", disse o presidente do Castanhal, Hélio Júnior, o "Helinho", em contato com a Redação Integrada de O Liberal.

A FEDERAÇÃO

O diretor de competições da Federação Paraense de Futebol, Raimundo Nonato, falou sobre o tema e demonstrou alguma esperança que o estádio esteja apto para a estreia do Japiim em casa.

"Essa situação surgiu porque o estádio está sem laudo e o MP vetou o estádio. Mas como o Castanhal joga fora de casa os dois primeiro jogos [contra Independente e Águia], acredito que até o jogo contra o Paysandu, pela terceira rodada, já esteja tudo resolvido", comentou.

AÇÃO

A ação da promotora foi realizada após uma inspeção do Grupo de Apoio Técnico Interdisciplinar do Ministério Público (Gati) no Modelão. As avaliações, além de um documento do Corpo de Bombeiros, constataram a necessidade de reformas no estádio, que também esteve a ponto de ser interditado no ano passado.

A reportagem tentou falar com autora da ação, no entanto, não conseguiu respostas.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES