MEMÓRIA: Relembre doenças que afetaram o andamento de torneios de futebol

Coronavírus já cancelou diversos eventos esportivos e o futebol também foi prejudicado

Andre Gomes

O coronavírus pelo mundo já paralisou diversos campeonatos de futebol pelo mundo. Neste momento, não há certeza se torneios de grande importância terão continuidade. Mas não é a primeira vez que o futebol  é afetado por causa de doenças. É hora de relembrar casos que trouxeram o caos ao mundo da bola.

2020 - Coronavírus

Poucas doenças trouxeram tantos problemas ao futebol quanto o covid-19, o coronavírus. Os grandes torneios de futebol do planeta estão suspensos - Liga dos Campeões, os principais campeonatos europeus, Copa Libertadores e até as eliminatórias da Copa -, e a probabilidade é que mais torneios sejam afetados (Eurocopa e Copa América no Brasil, por exemplo). Inclusive no futebol paraense é possível que a pandemia traga mudanças.

2013 a 2016 - Ebola

A epidemia do vírus ebola, na África Ocidental, fez com que Marrocos desistisse de sediar a Copa Africana de Nações. Com isso, Guiné Equatorial assumiu como anfitrião do torneios. Porém, diversas medidas foram adotadas para tentar evitar a maior propagação da doença: todos os jogadores que entraram no país, tiveram que passar por exames.

2009 a 2010 - Gripe A

Há onze anos, justamente no mês de março, mas de 2009, começava o surto global da gripe A. Em junho do mesmo ano, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou o quadro como uma pandemia. No futebol, o torneio mais afetado foi a Copa Libertadores. Na época, o torneio ainda tinha representantes do México, país mais afetado pela doença. Com isso, Chivas Guadalajara (MEX) e San Luis (MEX) desistiram das oitavas de final, onde enfrentariam São Paulo-SP e Nacional (URU) respectivamente.]

2005 a 2006 - Gripe Aviária

Na virada de 2005 para 2006, a gripe aviária foi uma das epidemias que mais preocuparam o mundo e por pouco não gerou o adiamento da Copa do Mundo de 2006, disputada na Alemanha. A doença afetou principalmente o sudeste da Ásia e fez com que a Fifa a cogitasse o adiamento da Copa. Como o surto perdeu força, o Mundial não precisou ser cancelado.

2003 - Sars

A Copa do Mundo de futebol feminino de 2003 foi transferida da China para os Estados Unidos em 2003, devido à Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars). O país asiático foi local mais afetado pela enfermidade, que causou o cancelamento de diversos eventos esportivos.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES