Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Jogador do Tapajós morre com uma facada no pescoço no bairro do Barreiro em Belém

Tawhan Damasceno, de 18 anos, fazia parte do elenco Sub-20 do Tapajós

Fabio Will

Uma facada no pescoço tirou a vida do jogador do Tapajós, Tawhan Damasceno, de 18 anos. O crime ocorreu por volta das 9h da manhã desta quarta-feira (13), no bairro do Barreiro em Belém, próximo da residência do atleta. Ele foi atacado por um morador de rua, que tentou roubar a sua bicicleta e acabou sofrendo um golpe na região do pescoço. A informação foi confirmada pelo técnico do Tapajós, Fábio Duarte, que esteve na casa dos familiares.

VEJA MAIS

Veja gols do jogador do Tapajós assassinado com facada no pescoço ; vídeo Em uma postagem nas redes sociais, o jovem publicou alguns gols marcados ainda nas categorias de base do Boto Santareno.

Ex-zagueiro do Remo é encontrado morto em hotel no Rio de Janeiro De acordo com a polícia carioca, um inquérito foi aberto para apurar o caso.

 

Jovem, habilidoso e promissor. Foi assim que o técnico do Sub-20 do Tapajós, Fábio Duarte, descreveu o atacante Tawhan Damasceno, que estava há um ano e meio no clube santareno, mas que treina na capital paraense. O clima é de desolação no Boto e o treinador revelou detalhes do crime.

“Quando soube fui até à residência do Tawhan e testemunhas informaram que ele estava de bicicleta, diminuiu a velocidade e neste momento surgiu um morador de rua, ele anunciou um assalto e em seguida o jovem reconheceu o morador de rua, foi quando ele foi atingido no pescoço por uma facada. Ele chegou correu para casa, foi levado ao Pronto Socorro, mas faleceu por volta das 11h”, disse.

VEJA MAIS

Cria da base do Paysandu, jogador com passagem pelo nordeste é assassinado em Belém Jogador também atuou no Bragantino, mas não seguiu no futebol profissional. Ultimamente, Bruno Leonardo Virgínio da Silva, de 23 anos, vinha atuando no futsal e no futebol pelada

Ex-atleta do Paysandu sofre infarto e morre em pleno campo Ele participava de um futebol pelada em Ananindeua quando sentiu-se mal

Tawhan Damasceno era jogador de futebol e também cursava a faculdade de educação física em uma instituição particular de Belém. O atleta estava em preparação para a disputa do Campeonato Paraense Sub-20 e também atuou pelo Pinheirense e deixa saudades em todos no elenco do Tapajós, afirma o técnico Fábio Duarte.

“Nossos atletas estão bastante abalados, muitos não acreditam no que aconteceu, todos na mesma faixa etária, juntos, buscando o mesmo sonho que era ser jogador profissional e uma brutalidade acabou com sonho. Vamos ter que nos reinventarmos, pois era um atleta importante, disciplinado e que nos motivava!”, disse o treinador.

O presidente do Tapajós, Sandiclay Monte, lamentou a morte do jovem e solidariza com os familiares, amigos e atletas.

“A nossa base atua e treina em Belém está de luto. Infelizmente a violência nos tirou um rapaz cheio de sonhos, talentoso. O Tapajós está de portas abertas para o que os familiares, ajudando, dando apoio nesse momento tão difícil”, falou.

O velório será realizado na Rodovia Arthur Bernardes, Passagem Santa Lúcia, número 522 B, no bairro do Barreiro, em Belém. O sepultamento será nesta quinta-feira (14), às 16h, no cemitério de Santa Izabel, no bairro do Guamá.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES