Fortaleza anuncia retorno do paraense Yago Pikachu

Atleta, revelado no Paysandu, passou meses no futebol japonês

O Liberal
fonte

Yago Pikachu voltará a jogar com a camisa do Fortaleza em 2023. O anúncio foi feito nesta terça-feira (6) pelo clube cearense. É o primeiro reforço confirmado para a próxima temporada.

O acordo com o Fortaleza prevê um empréstimo até 31 de dezembro de 2023, com opção de compra ao fim do contrato, já que o atleta pertence ao Shimizu S-Pulse, do Japão, onde concluiu a última temporada.

VEJA MAIS

image Após ser rebaixado no Japão, paraense Yago Pikachu está retornando ao Fortaleza, diz jornalista
O jogador estava no Shimizu S-Pulse e acabou sendo rebaixado para a Segunda Divisão nacional

image Ídolo do Paysandu, Yago Pikachu conta com ajuda de brasileiros para superar má fase no Japão
Há três meses na Terra do Sol Nascente, meia ainda não marcou gols e clube que defende vive situação delicada no campeonato nacional. Apesar disso, jogador disse que tem se adaptado a vida no Oriente. 

image Copa do Mundo 2022: Tite explica motivo para não convocação de Yago Pikachu, Ganso e Rony
Durante entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira para veículos do Norte e do Centro-Oeste, técnico da Seleção Brasileira citou paraenses e destacou momentos e qualidades de cada um

O clube japonês foi rebaixado no campeonato nacional. Pikachu não teve bom aproveitamento, sequer marcou gols, que é uma das suas características na carreira. 

Pikachu é oriundo das divisões de base do Paysandu, subindo para os profissionais em meados de 2012.

Futebol
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES