Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Ex-jogador do Paysandu é preso acusado de comandar uma quadrilha no Rio de Janeiro

Max, de 31 anos, foi formado nas categorias de base do Vasco da Gama-RJ e jogou a Série B do Brasileirão pelo Papão em 2013

O Liberal

Marcilei da Silva Elias, mais conhecido no futebol como Max, de 31 anos, foi preso ontem, na Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ). O ex-lateral do Vasco-RJ, ABC-RN, América-RN e Paysandu é acusado de comandar uma quadrilha que praticava extorsão.

No início da semana um vendedor de carros foi surpreendido por três homens, um deles o ex-jogador Max, após marcar encontro para a compra de um veículo. O vendedor possuía uma dívida com Max e teve que entrar no carro com o trio, que exigia o pagamento da dívida.

VEJA MAIS

Justiça manda soltar ex-jogador do Paysandu
Ex-atleta havia sido preso por porte ilegal de arma

Após horas rodando com a vítima, a quadrilha o liberou, após ficar com pertences e exigiu que ele fosse ao cartório para passar o automóvel para o nome de Max. A Polícia foi informada e prendeu o trio no cartório e encaminhados para o sistema prisional.

Max é cria das categorias do Vasco da Gama-RJ, atuou também pelo Mogi-Mirim, Caxias-RS, América-RN, ABC-RN, Cabofriense-RJ, além de Portuguesa-RJ, Bangu-RJ e Palmas-TO, seu último clube em 2016. Com a camisa do Papão Max atuou em apenas dois jogos na Série B de 2013.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM FUTEBOL

MAIS LIDAS EM ESPORTES